21°
Máx
17°
Min

Em movimento nacional, indígenas ocupam sede da Funai em Curitiba

Participando de um movimento nacional, um grupo de indígenas ocupou a sede da Fundação Nacional do Índio (Funai), em Curitiba, na tarde desta quarta-feira (13). A ocupação também aconteceu em várias sedes da fundação pelo Brasil.

De acordo com a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib), a ação acontece em protesto “contra o Estado de exceção que está se configurando no país após a ruptura institucional deflagrada com o afastamento da presidenta Dilma Rousseff no último dia 17 de abril.”

Segundo o Apib, o governo de Michel Temer teria agravado os problemas enfrentados pelos indígenas a séculos. Uma das pautas do protesto é o convite que o general da reserva do Exército, Sebastião Roberto Peternelli Junior, recebeu para se tornar presidente da Funai.

No último dia 6 de julho, o Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, descartou a nomeação do militar para comandar a fundação, depois da repercussão negativa no meio indígena. No entanto, a Apib ressalta que este não é o único motivo para a ocupação.

A demarcação de terras indígenas está na pauta do protesto, assim como cortes no orçamento da Funai, a inclusão da Fundação na estrutura administrativa do Ministério da Justiça, a paralisação das atividades do Conselho Nacional de Política Indigenista, entre outras.