22°
Máx
14°
Min

Em nota, Associação Comercial de SP pede a renúncia da presidente Dilma

A Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) e a Associação Comercial de São Paulo (ACSP) pedem, por meio do presidente da ACSP, Alencar Burti, a renúncia da presidente Dilma Rousseff. A nota que pede o fim antecipado do governo da petista foi divulgada nesta quinta-feira, 17.

"Somente um gesto de grandeza por parte da presidente Dilma poderá propiciar a busca de um entendimento que permita começar a mudar o quadro dramático que o País atravessa: a renúncia", ressalta parte do texto.

A decisão, conforme as entidades, foi tomada após consultas aos vice-presidentes e aos superintendentes das sedes distritais da ACSP. Segundo o documento, o Brasil vive um período sem precedentes de crises ética, política, de governabilidade, econômica e, sobretudo, social.

"A hora agora é de buscar soluções que possam ser implementadas com a rapidez necessária para impedir que não apenas a economia e o quadro social continuem a se deteriorar, como para evitar que as instituições sejam comprometidas e dificultem a busca de caminhos que preservem a normalidade democrática e levem à punição exemplar de todos os envolvidos nos casos de corrupção".