28°
Máx
17°
Min

'Eu tinha a chave do sítio", diz ex-presidente Lula à PF

(Foto: Paulo Pinto/Fotos Públicas) - 'Eu tinha a chave do sítio", diz ex-presidente Lula à PF
(Foto: Paulo Pinto/Fotos Públicas)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse à Polícia Federal que "tinha a chave" do sítio Santa Bárbara, localizado no município de Atibaia, interior de São Paulo. O Santa Bárbara é um dos alvos da força-tarefa da Operação Aletheia, desdobramento da Lava Jato que mira no ex-presidente.

Os investigadores suspeitam que o petista é o verdadeiro dono da área e que empreiteiras como a OAS e a Odebrecht bancaram os gastos com benfeitorias.

A OAS e a Odebrecht teriam sido beneficiadas pelo esquema de cartel instalado na Petrobras entre 2004 e 2014 (governos Lula e Dilma). Oficialmente,o sítio está em nome dos empresários Fernando Bittar e Jonas Suassuna, mas os investigadores suspeitam que a área pertence, de fato, ao ex-presidente. Ele nega.

O delegado da PF, que ouviu o petista no dia 4 de março, em São Paulo, perguntou a ele. "Pra essas visitas, o senhor e a sua esposa têm a chave do imóvel, pra quando o senhor quisesse frequentar livremente, vocês tinham a chave do sítio?"

"Tinha a chave, o Fernando (Bittar) ligava para o caseiro que a gente ia…", respondeu Lula .

"Quando o senhor costuma visitar o sítio em Atibaia, quem costuma acompanhá-lo, além de sua esposa?", indagou o delegado. "Meus amigos", respondeu o ex-presidente.

Questionado pelo delegado, Lula disse que seus filhos também frequentavam o sítio. O delegado quis saber se Lula já frequentava a propriedade enquanto era presidente.

"Não, não sabia que existia o sítio. Eu só fiquei sabendo do sítio (...) no dia 12 de janeiro (de 2011) e só fui lá a primeira vez dia 15 de janeiro", respondeu.