28°
Máx
17°
Min

Governo sem votos, nascido de golpe, pode ser derrubado nas ruas, diz Rui Falcão

O presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), Rui Falcão, afirmou em seu artigo semanal que o governo do PMDB, no caso de assumir definitivamente a Presidência da República, poderá ser derrubado nas ruas ou no pleito de outubro, quando ocorre as eleições municipais. O texto foi divulgado nesta segunda-feira, 29, nas redes sociais pelo site da legenda.

"Governo sem voto, sem legitimidade, nascido de um golpe de Estado não costuma durar. Pode ser derrubado nas ruas ou enxotado pelo julgamento das urnas, já no pleito de outubro", afirmou o líder petista. Segundo a assessoria de imprensa do PT, Falcão não está defendendo antecipar as eleições presidenciais, como já se manifestou publicamente, mas relacionando o pleito municipal com um provável encolhimento do PMDB no cenário nacional.

Comentando o encontro com a presidente afastada Dilma Rousseff no Palácio da Alvorada, às vésperas de seu julgamento, Falcão disse que "uma imensa onda de solidariedade estará se espalhando por todo o País".

"Serão milhões de brasileiros e brasileiras vendo e ouvindo o pronunciamento histórico de uma líder que não se vergou - e não se dobra - diante dos poderosos", afirmou o presidente da legenda. Ele disse que o que está em jogo é a condenação de uma inocente, defendendo a ideia de que Dilma não cometeu nenhum crime.