21°
Máx
17°
Min

Ida ao 2º turno é uma resposta a um partido golpista, diz Freixo

O candidato Marcelo Freixo (PSOL), que irá disputar o segundo turno pela prefeitura do Rio de Janeiro com o candidato Marcelo Crivella (PRB), afirmou que o resultado das urnas neste domingo, 2, é uma resposta a um partido golpista, se referindo ao PMDB. No primeiro turno, Freixo superou o candidato Pedro Paulo (PMDB), mesmo partido do presidente da República, Michel Temer, e do atual prefeito, Eduardo Paes.

"Derrotamos o PMDB em homenagem à democracia", disse Freixo, que participa de um ato público no bairro da Lapa, tradicional local de manifestação da esquerda no Rio de Janeiro. "Ninguém segura mais a gente", completou o candidato, sendo aplaudido pela população no local, que gritava "Fora Temer".

Na votação deste domingo, Crivella liderou com quase 28% dos votos, enquanto Freixo ficou com 18%. Em entrevista coletiva, o candidato Marcelo Crivella disse que já começou a procurar os adversários em busca de apoio. "Vou procurar todas as forças políticas e tentar convencê-las de que chegou a hora de cuidar das pessoas", afirmou o candidato do PRB, citando o slogan de sua campanha.