22°
Máx
14°
Min

Indicado para a SAC, deputado do PMDB cobra de Temer solução para veto a cargos

O deputado federal Mauro Lopes (PMDB-MG) cobrou do vice-presidente da República e presidente nacional do PMDB, Michel Temer, uma solução para a polêmica gerada pela aprovação de uma moção que impede qualquer peemedebista de assumir cargo no governo desde já.

Lopes seria nomeado ministro da Secretaria de Aviação Civil (SAC) nesta semana. A pasta foi oferecida à bancada peemedebista de Minas Gerais em troca de apoio à recondução do governista Leonardo Picciani (RJ) à liderança do partido na Casa.

"Não tem validade esta votação. O que foi acertado é que qualquer moção seria analisada na próxima reunião", disse Lopes.

Antes da aprovação da moção, o ex-ministro Eliseu Padilha havia dito que todas as moções seriam apreciadas somente em 30 dias, em reunião do diretório nacional eleito neste sábado, 12. "Está errado. Michel tem que resolver isso", afirmou Lopes.

Lopes protagoniza ainda outra polêmica na convenção do PMDB deste sábado. O deputado ocupa hoje a secretaria-geral do partido. A cúpula peemedebista, no entanto, pretendia colocar Padilha na vaga. Agora, sem o ministério, ele quer continuar no cargo. A legenda tenta solucionar o impasse.