20°
Máx
14°
Min

Intenção é votar PEC do teto dia 6 ou 7 de outubro em comissão, diz Perondi

O relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que limita o crescimento do gasto público, Darcísio Perondi (PMDB-RS), afirmou nesta terça-feira, 20, que sua intenção é de votar a medida proposta pela equipe econômica na comissão especial que analisa o tema no dia 6 ou 7 de outubro.

"Tudo dando certo, a ideia é enviar a proposta para o Senado na primeira semana de novembro", disse durante workshop para jornalistas ao lado do secretário de acompanhamento econômico do Ministério da Fazenda, Mansueto Almeida e do assessor econômico especial da Pasta, Marcos Mendes.

Na avaliação do relator da PEC, o déficit fiscal brasileiro "é enorme" e as contas públicas estão na UTI (unidade de terapia intensiva). "O objetivo é mergulhar nessa PEC fundamental para os novos tempos" afirmou, antes de ressaltar que a comissão tem cumprido todos os prazos.

Ele argumenta que, caso a proposta não seja aprovada, o Brasil pode chegar a um colapso fiscal e necessitar até a emissão de dinheiro. "Temos que atacar despesa primária e reduzir dívida interna bruta", destacou.

O relator reconheceu ainda que a reforma da Previdência Social precisa vir em seguida, já que é a maior despesa.