26°
Máx
19°
Min

Janela para mudança partidária deveria ocorrer em toda eleição, diz Cunha

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), defendeu nesta quarta-feira, 17, que a janela para troca de partidos sem sanções deveria ser "constante" a cada eleição. Caso o presidente do Senado Federal, Renan Calheiros (PMDB-AL), cumpra a promessa e promulgue a PEC 113/2015, parlamentares terão até 30 dias para trocar de legenda, a partir desta quinta-feira, 18.

"Não concordo com essa mudança partidária continuada, de acordo com interesse momentâneo de deputados", afirmou. "Acho que a janela é importante sim, acho até que a janela devia ser constante a cada eleição".

Cunha criticou o instituto da fidelidade partidária, hoje restrito apenas aos cargos escolhidos em eleição proporcional - vereadores e deputados estaduais e federais. Para o peemedebista, essa é uma situação "absolutamente injusta". "Se há fidelidade, deveria ser para todos", defendeu.

O presidente da Câmara disse ainda que não tem intenção de deixar o PMDB. "Estou muito bem no PMDB, não tenho nenhuma razão para sair do partido. Me sinto com muito orgulho de representar o PMDB", afirmou.