22°
Máx
14°
Min

Janot pede prisão de Renan Calheiros e Romero Jucá

(Foto: Geraldo Magela/Agência Senado) - Janot pede prisão de Renan Calheiros e Romero Jucá
(Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) os pedidos de prisão do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e do senador Romero Jucá (PMDB-RR), ex-ministro do Planejamento no atual governo. Janot ainda solicitou o afastamento de Calheiros da presidência do Senado e o uso de tornozeleira eletrônica para o ex-presidente José Sarney (PMDB-AP). As informações são dos jornais O Globo e Folha de São Paulo.

Os pedidos serão analisados pelo ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF. As solicitações são baseadas nas gravações feitas pelo ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, que mostraram a vontade de atrapalhar as investigações.

Machado ainda disse, em delação premiada, que pagou pelo menos R$ 70 milhões para líderes do PMDB no Senado. Os recursos seriam provenientes de desvios da Transpetro. A maior parte deste montante teria sido entregue a Calheiros. Jucá e Sarney teriam recebido, cada um, R$ 20 milhões do esquema.