22°
Máx
17°
Min

Líderes da oposição se concentrarão em manifestações pró-impeachment de SP

Os principais líderes da oposição na Câmara e no Senado devem se concentrar em São Paulo durante as manifestações pró-impeachment da presidente Dilma Rousseff marcadas para o próximo domingo, 13 de março. Segundo o deputado Mendonça Filho (DEM-PE), coordenador do comitê pró-impeachment, eles só farão discursos durante os atos "dependendo do clima".

Mendonça diz que já confirmaram presença no ato da Avenida Paulista os deputados Pauderney Avelino (AM), líder do DEM; Antônio Imbassahy (BA), líder do PSDB; e Paulo Pereira da Silva (SP), presidente do Solidariedade além do próprio coordenador do comitê. Os senadores Aloysio Nunes (PSDB-SP), José Serra (PSDB-SP) e José Agripino (DEM-RN) também participarão.

O coordenador do comitê pró-impeachment afirmou que o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), também deve participar da manifestação na capital paulista. Em evento na segunda-feira, 7, em Belo Horizonte, o parlamentar tucano confirmou que pretende ir para as ruas, mas não informou quais cidades pretende visitar no domingo.

Mendonça disse que alguns deputados, como ele, deverão participar de atos em outras cidades mais cedo. "Devo participar no Recife de manhã e de lá sigo para São Paulo", disse. O deputado ressaltou que não deve haver um trio só para os parlamentares e que eles só farão discursos caso percebam que haja clima para isso.