21°
Máx
17°
Min

Manifestação por redução de salários de prefeito e vereadores em Curitiba

Manifestantes se concentram na sede da Câmara Municipal (Foto: Luiz Mandelli / Rede Massa) - Manifestação por redução de salários de prefeito e vereadores
Manifestantes se concentram na sede da Câmara Municipal (Foto: Luiz Mandelli / Rede Massa)

Uma manifestação na manhã desta quarta-feira (17) reivindica a redução dos salários dos vereadores de Curitiba. O ato acontece na Câmara Municipal e é organizado pelo movimento coletivo Primavera Cidadã. O grupo também pede que a mesma medida seja aplicada no salário do prefeito da cidade, Gustavo Fruet.

Os participantes entraram na sessão em andamento na Câmara e gritaram palavras de protesto a partir das galerias do Palácio Rio Branco. O presidente da Câmara, vereador Aílton Araújo, pediu ordem aos manifestantes e respeito ao regimento interno da Casa. A sessão foi interrompida por 15 minutos, após a saída dos manifestantes do prédio.

Os manifestantes coletam assinaturas para um projeto de lei de iniciativa popular sobre o tema. A proposta traz que o salário do prefeito passaria para o valor de R$ 8.330,51, o equivalente ao teto salarial de um professor da educação infantil da rede municipal. Atualmente, o salário atual de Fruet é de R$ 26.723,16, segundo o movimento.

A remuneração dos vereadores também sofria alteração, conforme o projeto de lei de iniciativa popular. O salário de cada vereador recebe R$ 15.156,70 e passaria para R$ 3.258,16, equivalente ao salário mínimo necessário para a população brasileira, conforme cálculos do Dieese.

O movimento também pede a redução de números de assessores por vereador – de sete para três -; a suspensão das cotas de veículos e a disponibilidade de veículos; e estabelecer novos tetos com despesas de viagens.