26°
Máx
19°
Min

Manifestações pró e contra impeachment são tranquilas em Cascavel (PR)

As manifestações deste domingo, 17, contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff estão tranquilas em Cascavel, no Oeste do Paraná. Até as 16h30, poucas pessoas pró e contra o afastamento da presidente se concentram em dois pontos distintos da cidade.

Os manifestantes favoráveis ao impeachment estão reunidos ao lado do prédio da prefeitura. Vestidos de verde e amarelo, eles acompanham por um telão de LED a votação na Câmara Federal. "Estamos confiantes que o impeachment será aprovado pelos deputados, mas independente do resultado, o brasileiro é quem vai pagar a conta por tudo o que está acontecendo no Brasil", afirma o empresário Nestor Furlan. Para ele, a mobilização deve continuar para "varrer" os políticos corruptos do Congresso Nacional e também de outras esferas do poder.

Já os manifestantes contra o impeachment estão reunidos na praça Wilson Joffre, centro da cidade, em minoria. Eles carregam bandeiras do PT, CUT e MST. O ato é promovido pela Frente Brasil Popular e está sendo embalado por Rap e músicas latinas. Porém, os manifestantes não escondem a preocupação com o resultado da votação do processo em Brasília.

"O Brasil só tem a perder com esse golpe contra a democracia. Acho que a divisão de classes vai se acentuar ainda mais por conta desse golpe que está sendo orquestrado por aqueles que perderam a eleição presidencial", afirma o dirigente petista Alex Paixão.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, não há nenhum ponto de bloqueio nas rodovias federais que cortam o oeste paranaense, uma vez que havia a preocupação com protesto do MST.