22°
Máx
14°
Min

Nova fase da Operação Lava Jato é deflagrada pela Polícia Federal

(Foto: Arquivo / Agência Brasil) - Nova fase da Operação Lava Jato é deflagrada pela Polícia Federal
(Foto: Arquivo / Agência Brasil)

A Operação Lava Jato deflagrou na manhã desta quinta-feira (22) sua fase 34. Policiais federais estão nas ruas desde as 6h cumprindo mandados de buscas e apreensões. Policiais estão a casa do ex-ministro da Fazenda Guido Mantega, em São Paulo. Informações são do jornal O Estado de São Paulo.

Atualização

A PF cumpre mandados em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Bahia e Distrito Federal. Em São Paulo, há sete mandados de busca e apreensão, sendo um em Sorocaba, e dois de prisão.

De acordo com a PF, a 34ª fase é intitulada de Operação Arquivo X, com o cumprimento de 49 mandados judiciais, sendo 33 de busca e apreensão, oito de prisão temporária e oito de condução coercitiva. A operação é realizada com apoio da Receita Federal e são apuradas as práticas de corrupção, fraude em licitações, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

A PF informa que nesta operação são investigados fatos relacionados à contratação pela Petrobras de empresas para construção de duas plataformas de exploração de petróleo do pré-sal. Empresas se associaram em um consórcio para obter contratos de construção destas duas plataformas. No entanto, não tinham experiência ou estrutura para isto. 

As investigações apontaram, segundo a PF, em 2012, "um ex-ministro da Fazenda teria atuado diretamente junto ao comando de uma das empresas para negociar o repasse de recursos para pagamentos de dívidas de campanha de partido político da situação. Estes valores teriam como destino pessoas já investigadas na operação e que atuavam no marketing e propaganda de campanhas políticas do mesmo partido", traz o comunicado à imprensa divulgado na manhã de hoje.

Os presos serão encaminhados para a superintendência da PF em Curitiba. Os alvos de mandados de condução coercitiva estão sendo levados para as unidades das PF nas cidades onde estão as equipes policiais para esta operação. 

A PF ainda afirmou que o nome Arquivo X é uma referência a um dos grupos empresarias investigados e que tem como marca a colocação e repetição do “X” nos nomes das pessoas jurídicas integrantes do seu conglomerado empresarial. Mais detalhes sobre esta fase da Operação Lava Jato serão repassados ainda hoje pela Polícia Federal.

Confira o cumprimento dos mandados judiciais na Operação Arquivo X:

SALVADOR/BA

01 mandado de busca e apreensão
01 mandado de prisão temporária

BRASÍLIA/DF

02 mandados de busca e apreensão
01 mandado de prisão temporária

BELO HORIZONTE/MG

01 mandado de busca e apreensão

NOVA LIMA/MG

01 mandado de busca e apreensão
01 mandado de prisão temporária

RIO ACIMA/MG

01 mandado de busca e apreensão
01 mandado de condução coercitiva

JUIZ DE FORA/MG

01 mandado de busca e apreensão

RIO DE JANEIRO/RJ

13 mandados de busca e apreensão
01 mandado de prisão temporária
05 mandados de condução coercitiva

NITERÓI/RJ

03 mandados de busca e apreensão
02 mandados de prisão temporária
01 mandado de condução coercitiva

CABO FRIO/RJ

01 mandado de busca e apreensão
01 mandado de condução coercitiva

SÃO JOÃO DA BARRA/RJ

01 mandado de busca e apreensão

IBIUNA/SP

01 mandado de busca e apreensão

SÃO PAULO/SP

06 mandados de busca e apreensão
02 mandados de prisão temporária

PORTO ALEGRE/RS

01 mandado de busca e apreensão