28°
Máx
17°
Min

Oito vereadores de Curitiba trocam de partido

(Foto: Chico Camargo/CMC) - Oito vereadores de Curitiba trocam de partido
(Foto: Chico Camargo/CMC)

Oito vereadores de Curitiba trocaram de partido para concorrer às eleições municipais deste ano. O prazo para a mudança de legenda encerrou no último sábado (2), seis meses antes da votação.

Os vereadores Pedro Paulo e Jonny Stica trocaram o PT pelo PDT. Além deles, Bruno Pessuti e Carla Pimentel deixaram o PSC e, junto com Felipe Braga Côrtes, que era do PSDB, filiaram-se ao PSD. Os outros que mudaram de legenda são Paulo Rink, que deixou o PPS e foi para o PR; Toninho da Farmácia, antes PP e que se filiou ao PDT; e Jorge Bernardi que saiu do PDT e tornou-se o primeiro vereador da Rede em Curitiba.

De acordo com levantamento da Comunicação da Câmara Municipal, após as mudanças o plenário da Casa, que tem 38 cadeiras, segue fragmentado entre 20 partidos políticos. O PSC continua entre as maiores bancadas do Legislativo, antes com seis e agora com quatro parlamentares, junto com o PSD e com o PDT. PV, PSDB e PSB têm três. DEM, PTB e PSDC, dois. As demais legendas, 11, possuem apenas um representante no Legislativo (PP, PMN, PSL, PPS, Rede, PT, PMDB, PR, Pros, PRB e SD).

A Lei das Eleições determina que, para concorrer, o candidato deverá estar com a filiação deferida pelo partido no mínimo seis meses antes da data do pleito.

Colaboração Câmara Municipal de Curitiba