24°
Máx
17°
Min

Paes: decreto de calamidade não 'atrasa obras olímpicas e compromissos assumidos'

O prefeito Eduardo Paes afirmou que o estado de calamidade decretado pelo Estado "em nada atrasa as entregas olímpicas e os compromissos assumidos no Rio". Ele usou o Twitter para comentar o decreto do governador em exercício Francisco Dornelles (PP). De acordo com o prefeito, "a posição da prefeitura do Rio é de absoluto conforto fiscal e financeiro. "Continuamos a pagar nossos compromissos em dia. Seja salário de servidores, custeio e os investimentos seguem a pleno vapor", escreveu.

Paes lembrou que a prefeitura é a responsável pela entrega de todas as Arenas em que ocorrerão os Jogos Olímpicos e todas as obras do legado, "tirando o metrô". "As Arenas (tirando o Velódromo) já foram todas entregues e testadas. Aliás, no prazo e no custo. O estado de calamidade decretado pelo Governo Estadual em nada atrasa as entregas olímpicas e os compromissos assumidos pelo Rio", afirmou. Ele disse ainda ter certeza de "que a parceria com o governo federal funcionará" e a segurança dos jogos estará garantida. "Quero renovar aqui a confiança de que realizaremos jogos excepcionais", encerrou.