21°
Máx
17°
Min

Petistas criticam Janot por denúncia contra Lula no STF

A bancada do PT na Câmara dos Deputados divulgou uma nota na tarde desta quarta-feira, 4, repudiando a iniciativa do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, de oferecer denúncia contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Supremo Tribunal Federal (STF). Para os petistas, o pedido de investigação se baseia numa delação premiada do senador Delcídio Amaral (sem partido-MS) que não se sustenta.

Os deputados também criticam a "seletividade" da conduta de Janot, uma vez que o vice-presidente da República, Michel Temer, foi poupado do pedido e lamentam que as investigações tenham sido "contaminadas" por disputas políticas. A nota não faz menção ao pedido de investigação da presidente Dilma Rousseff e de seus ministros.

"A Bancada do PT na Câmara entende o ato de Janot como frágil juridicamente e o denuncia como demonstração de inaceitável seletividade em sua conduta, tendo em vista que estamos às vésperas da apreciação, pelo Senado, do pedido de abertura de processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Essa atitude do procurador-geral, com base em meras declarações de um delator, visa atingir a incontestável liderança política do ex-presidente Lula, principal opositor aos articuladores do golpe institucional em curso", diz o texto.