23°
Máx
12°
Min

Presidentes dos diretórios de SC e AC pedem expulsão de Celso Pansera do PMDB

Em uma nova investida contra os ministros que têm descumprido decisão do diretório nacional do PMDB pelo rompimento com o governo, os presidentes dos diretórios da legenda em Santa Catarina, deputado Mauro Mariani, e no Acre, deputado Flaviano Melo, apresentaram pedido de expulsão do ministro Celso Pansera (Ciência e Tecnologia).

O processos foram encaminhados à presidência do PMDB que, após análise, deverá distribuí-los para o Conselho de Ética da legenda.

"Teve uma decisão do diretório pelo desembarque. Penso que os filiados do partido que se negarem a cumprir uma decisão dessa magnitude, têm que ir embora, simples assim. Se não o partido fica desmoralizado", afirmou ao jornal O Estado de S. Paulo o deputado federal e presidente estadual do PMDB de SC, Mauro Mariani.

Além do ministério de Ciência e Tecnologia, o PMDB comanda hoje as pastas de Minas e Energia, Saúde, Agricultura, Aviação Civil e Portos.

O presidente estadual da Bahia e primeiro-secretário nacional da legenda, Geddel Vieira Lima, informou ontem que também ingressará no Conselho de Ética do PMDB nesta terça-feira, 5, com pedido de expulsão da ministra Kátia Abreu (Agricultura).

"Além de ela descumprir uma decisão do diretório nacional, ela tem tido um comportamento provocativo, desafiador, em relação ao partido. É um comportamento inapropriado", afirmou Geddel ao jornal. Segundo ele, o processo será acompanhado de uma liminar com pedido de suspensão imediata da ministra.