22°
Máx
16°
Min

Renan discute com Mendes e parlamentares pauta para realização de reformas

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), participou na manhã desta quinta-feira, 30, de um café da manhã oferecido pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes.

Parlamentares da base aliada do presidente em exercício, Michel Temer, também estiveram na reunião. Entre eles, os senadores Romero Jucá (PMDB-RR), Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), e Ricardo Ferraço (PSDB-ES), além do primeiro-secretário da Câmara, Beto Mansur (PRB-SP) e do deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR).

Há dois dias, Renan foi anfitrião de um jantar que reuniu o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e senadores da base de Temer, em mais um gesto de aproximação do presidente em exercício.

No café da manhã desta quinta, o presidente do Senado disse que os parlamentares discutiram com Mendes uma pauta mínima no Legislativo para viabilizar a reforma político-eleitoral, como cláusula de barreira e fim da coligação proporcional.

Saudade de Dilma

Ao deixar o encontro com Gilmar Mendes, Renan disse que "fez questão" de visitar novamente a presidente afastada Dilma Rousseff, ontem, no Palácio da Alvorada, porque estava sentindo a sua falta. "Eu já estava alguns dias sem falar com a presidente e estava sentindo muita falta, muita saudade", declarou. Segundo Renan, o diálogo com Dilma foi excelente.

"Eu tive uma excelente conversa com ela ontem, conversamos bastante, fiz questão novamente de visitá-la. Falamos da conjuntura da situação fiscal, da situação econômica, da situação política. Foi uma conversa muito boa", disse Renan.