26°
Máx
19°
Min

Renan minimiza derrota em capitais e diz que PMDB foi vitorioso nas eleições

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou na manhã desta terça-feira, 4 que não preocupa o resultado do PMDB nas eleições municipais. Segundo ele, a legenda cresceu em relação às eleições de 2012 e foi o partido que mais elegeu em número de prefeitos. Mesmo lançando candidatos em 16 das 26 capitais, o PMDB, entretanto, não conquistou no primeiro turno nenhuma capital importante do País, tendo anotado derrotas em São Paulo e Rio de Janeiro.

"(O PMDB) teve 14,7 milhões de votos, nesse quesito perdeu apenas para o PSDB que teve 17 milhões de votos, mas a metade desses votos na cidade de São Paulo. De modo que o PMDB foi o vitorioso dessas eleições e continua a ser o maior partido em meio a essa complexa pulverização partidária que existe hoje", disse Renan.

Para o peemedebista, as eleições cobraram a necessidade de se fazer uma reforma política. Segundo o senador, a sociedade no pleito quis e fez questão de indicar caminhos para essa reforma, que é urgente e precisa ser feita rapidamente. O Senado discute a aprovação de uma reforma que institui, entre outros pontos, uma cláusula de desempenho que poderá diminuir a quantidade de partidos.

"Se a política não se reinventar, não mudar, não reformar, ela vai perder prestígio a cada eleição, então chegou a hora de fazermos uma profunda reforma política", afirmou Renan.