26°
Máx
19°
Min

Temer escolhe novo diretor-geral da Abin

O presidente em exercício, Michel Temer, escolheu Janér Tesh Alvarenga para ser o novo diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), em substituição a Wilson Trezza, que está no cargo há oito anos. Janér Alvarenga, que integra os quadros da Abin, é o atual chefe do Departamento de Inteligência Estratégica. O nome dele será encaminhado ainda ao Congresso para que seja sabatinado pelo Senado. Até que seu nome seja aprovado, a previsão é de que Trezza permaneça no cargo.

Apesar de a indicação ocorrer a 40 dias dos Jogos Olímpicos, de acordo com o Palácio do Planalto, ela não provocará nenhuma mudança de estratégia da agência na preparação para a competição. Janér, como chefe da Inteligência Estratégica, já estava participando do desenvolvimento da cooperação para assegurar a segurança dos jogos, e a sua substituição efetiva ainda irá demorar porque depende do ritmo das votações que são decididas pelo Congresso.

A Abin está trabalhando em conjunto com 113 outras agências. Um centro internacional de inteligência foi montado no Rio de Janeiro para fazer todo o trabalho de prevenção e acompanhamento da segurança dos Jogos Olímpicos, que começam dia 5 de agosto. Uma das propostas do governo Temer para o setor é "consolidar a posição da Abin como órgão central do Sistema Brasileiro de Inteligência, o Sisbin".