22°
Máx
14°
Min

Temer repete que aprovação da PEC do teto é fundamental para o País

Em tom descontraído, o presidente Michel Temer afirmou que a cerimônia no Palácio do Planalto para celebrar o dia da Micro e Pequena Empresa virou uma espécie de "tribuna livre" para que os ministros do governo pudessem falar sobre suas áreas. O comentário foi feito após Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) defender a aprovação da PEC do teto de gastos na Câmara e Mendonça Filho (Educação) citar em seu discurso a medida provisória que muda as regras do Ensino Médio.

O próprio Temer usou o seu discurso para reforçar as falas dos ministros e voltar a fazer um apelo para a aprovação da PEC. "A aprovação dessa proposta é fundamental para o País. Ninguém pode gastar mais do que arrecada", disse.

Mais cedo, durante a cerimônia de posse do novo ministro do Turismo, Marx Beltrão, Temer já havia feito um apelo para que os deputados votassem a PEC na próxima semana.

Segundo o presidente, as reformas que o governo está propondo ao Congresso têm como objetivo fazer o País voltar a crescer e também se destinam aos micro e pequenos empresários.

"O micro hoje pode ser grande empresário amanhã e merece incentivo por meio do crédito. Não é à toa que estamos pregando a união nacional; a união faz a força", disse.