22°
Máx
14°
Min

TSE mantém tropas federais em cidades do RJ com segundo turno

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu, nesta terça-feira, 18, manter a presença de tropas das forças federais nos municípios do Rio de Janeiro onde haverá segundo turno, previsto para o próximo dia 30. Assim como ocorreu no primeiro turno, a medida tem o objetivo de reforçar a segurança durante as campanhas e as votações. As tropas continuarão na capital fluminense, em Duque de Caxias e em São Gonçalo.

No primeiro turno, os militares que foram deslocados para garantir a segurança dos Jogos Olímpicos Rio 2016 e da Paraolimpíada permaneceram no Estado após registros de ocorrências durante a campanha eleitoral, como casos homicídios de pré-candidatos em municípios da Baixada Fluminense. As outras cidades do Estado do Rio onde haverá segundo turno - Niterói, Petrópolis e Volta Redonda - não solicitaram a presença das tropas.

Na mesma sessão, o TSE designou a presença de homens das forças federais em Fortaleza. O pedido foi feito agora porque a própria polícia local teria causado baderna na capital cearense no primeiro turno, em apoio à candidatura ao deputado estadual Capitão Wagner (PR), que é policial militar e está disputando o segundo turno. A cidade não havia solicitado reforço no primeiro turno da eleição municipal.