22°
Máx
14°
Min

Fundetec inaugura centro de desenvolvimento em Cascavel

Em cerimônia agendada para esta quarta-feira (31), às 11 horas, será inaugurado, na Fundetec, o CDTER-PR (Centro de Desenvolvimento e Difusão Tecnológico em Energias Renováveis), que faz parte de projeto de parceria com a Unila (Universidade Federal da Integração Latino-Americana) e com a Unioeste. A Fundetec está localizada na BR-277 - Km 573, no Trevo de acesso ao Distrito de São João.

De acordo com o presidente da Fundetec, João Batista Cunha Júnior, a criação do Centro de Desenvolvimento Tecnológico possibilitará amplo acesso para o treinamento e o desenvolvimento de projetos em sigilo industrial, com acesso controlado aos pesquisadores e parceiros. 

“Outro motivo conveniente é a necessidade de espaço físico para alocação dos materiais e equipamentos de pesquisa, desenvolvimento e inovação em Energias Renováveis e Culturas Energéticas”, destaca.

O responsável pelo acompanhamento do convênio e coordenador do mestrado em Engenharia de Energia na Agricultura, da Unioeste, Reginaldo Ferreira Santos, explica que o Centro de Excelência trabalhará para ser referência em pesquisa, desenvolvimento e inovação, buscando disseminar e promover o desenvolvimento tecnológico sustentável.

“Como marco inicial, propõe-se no projeto a automação de uma máquina extrusora de grãos para a extração a frio de óleo e farelo com vistas a caracterização e aplicação como alimento e fonte de energia. Os resultados dos estudos poderão ser efetivos ao desenvolvimento tecnológico sustentável da região Oeste do Paraná e da Tríplice Fronteira, por meio de treinamento, cursos e atendimento de demandas da indústria local”, explica Reginaldo.

A Fundetec buscará ainda viabilizar parcerias contínuas com universidades e empresas como a Siemens e Bindgalvão - Fábrica de Farelo e Extração de Óleo de Soja,com o intuito de gerar estudos científicos e tecnológicos que subsidiem a difusão tecnológica e a capacitação de mão de obra, bem como o surgimento de outras empresas na região Oeste.

"A missão da Fundetec é aproximar as universidades públicas e privadas, os institutos de pesquisa e a iniciativa privada. Nós precisamos que os campos da inovação, da pesquisa e dos negócios se conectem e criem um aprendizado contínuo para o desenvolvimento local e regional, trazendo soluções para as empresas e incentivando ainda mais o clima empreendedor e inovador na região", finaliza o presidente da Fundetec.

Colaboração: Assessoria