Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Benefícios do Pilates na Terceira Idade

- Benefícios do Pilates na Terceira Idade

O Método Pilates é simples e praticamente sem contra-indicações. Muitas vezes, mesmo pessoas proibidas de praticar outros exercícios físicos podem pratica-lo, pois os exercícios do Pilates são realizados  no ritmo de cada paciente e progredindo de acordo com a sua evolução.

Nossa população idosa é cada dia maior e mais ativa, por isso é importante praticar exercícios que treinem força e equilíbrio, respeitando-se as limitações naturais da idade. Os exercícios do Pilates são definidos de acordo com os objetivos a serem alcançados por cada pessoa, assim como a frequência com que serão praticados, justamente para respeitar o ritmo e as habilidades físicas do paciente, tornando uma ótima opção.

O método consiste em um conjunto de exercícios físicos de resistência muscular e força, fatores importantes para prevenir a perda de massa muscular e óssea decorrentes do envelhecimento.

O Pilates tem como princípio trabalhar especialmente: respiração, controle, concentração, precisão, movimento fluido e centralização, proporcionando uma integração de corpo e mente, e são capazes de proporcionar melhora significativa na saúde e na qualidade de vida de pessoas idosas.

Dentre os inúmeros benefícios decorrentes da prática do Pilates, podemos destacar:

  • Melhora no equilíbrio;
  • Melhora da coordenação motora;
  • Aumento de força e flexibilidade;
  • Maior autonomia pessoal;
  • Aumento da mobilidade da coluna vertebral;
  • Diminuição da pressão arterial;
  • Melhora e diminuição de dor.

Uma das melhorias mais significativas na terceira idade está relacionada ao equilíbrio e conseqüente diminuição do risco de quedas entre os idosos. Sabemos que com o envelhecimento, há um déficit de equilíbrio natural, o que aumenta o risco de quedas e pode inclusive se tornar um fator incapacitante para o idoso.

Com a prática do Pilates, observa-se que há um fortalecimento do centro do corpo (abdômen e assoalho pélvico), o que melhora a estabilidade, mobilidade e a força corporal. Consequentemente, há uma grande melhora no equilíbrio corporal.

Além disso, após 8 semanas de prática de Pilates, é possível observar resultados como uma maior flexibilidade no ombro e quadril, além da diminuição do índice de gordura corporal e um aumento de massa magra.

Por ser um método de exercícios adaptáveis às capacidades e limitações de cada paciente, praticado sem fadiga e sem dor, além de apresentar inúmeros benefícios à saúde, especialmente na melhora do equilíbrio corporal e diminuição do risco de quedas, o Pilates é uma excelente opção de atividade física também para pessoas da terceira idade.