Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

De Barra Forte, atleta "voa baixo" mas é desclassificado

( Reinaldo Soares/Colaboração) - De Barra Forte, atleta "voa baixo" mas é desclassificado
( Reinaldo Soares/Colaboração)

O atleta amador Marcelo Artungui, morador de Prudentópolis, resolveu se inscrever no SESC Triathlon que aconteceu neste domingo (04) no município de Caiobá, no litoral paranaense.

Marcelo compete há apenas 4 anos em triathlons e relatou para nossa reportagem que não tem uma bicicleta de competição para participar das provas. Ele então teria enviado um e-mail à organização questionando se poderia utilizar uma bicicleta do modelo Barra Forte. Em primeira resposta a organização teria dito que não teria problemas em Marcelo competir com aquela bicicleta, porém na véspera do evento ele recebeu um e-mail dizendo que a bicicleta não seguia as especificações exigidas pela prova. Mesmo assim o atleta resolveu participar do evento e por incrível que pareça ele conseguiu estar entre os melhores tempos em sua categoria, mas foi desclassificado.

Marcelo ainda disse que o esforço em uma bicicleta Barra Forte é muito maior, já que o modelo pesa aproximadamente 26kg contra os aproximados 6kg das bicicletas de competição, que são de fibra de carbono. Sem contar ainda a aerodinâmica do modelo já que o vento bate diretamente no peito do atleta.

Mesmo desclassificado Marcelo ficou satisfeito com seu resultado na prova.