Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Homem é preso após matar a filha de quatro meses "que não parava de chorar"

(Reprodução/Facebook) - Homem é preso após matar a filha de quatro meses
(Reprodução/Facebook)

Um homem foi acusado de homicídio depois de admitir que matou a própria filha de quatro meses que não parava de chorar. 

No início ele disse para a polícia que o bebê tinha caído da cama, porém nesta segunda-feira (13) ele confessou o assassinato após uma autópsia que mostrou que a criança tinha uma lista de ferimentos e ossos quebrados. Ele chegou a ligar para a emergência no domingo (12) falando que a criança havia caído da cama e que não estava mais respirando, porém após a autópsia ele confessou o assassinato. O caso aconteceu na Pensilvânia. 

De acordo com a polícia, o homem relatou que a bebê era escandalosa e que ficou com muita raiva porque ela não parava de chorar.

A polícia local investiga o caso.