Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Luladad quer a “verdade”. Rárárá

(Foto: Ricardo Stuckert) - Luladad quer a “verdade”. Rárárá
(Foto: Ricardo Stuckert)

Num rompante de macho – agora travestido de paladino da “democracia”, justo ele que pertence a um partido que idolatra os ditadores, desde que de esquerda -, Fernando Luladdad interpelou seu adversário para que debatam cara a cara, olho no ano, antes da realização do segundo turno da eleição presidencial.

Sua manifestação aconteceu depois de a equipe de Bolsonaro informar que, por recomendação médica – ele se submeteu a uma avaliação hoje no Albert Einstein –, somente participará dos debates após o dia 18. Pouco mais de uma semana, portanto, do confronto decisivo.

“Queremos saber a verdade” sobre o que pensa o ex-capitão, esbravejou o petista. Ele, logo ele, que participa da maior farsa eleitoral de todos os tempos, na condição de instrumento e um presidiário para obter a liberdade e retomar o comando do país.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo