Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Morre mãe do ex-ministro Zé Dirceu

Aos 97 anos, dona Olga Guedes da Silva, mãe do ex-ministro José Dirceu, morreu na madrugada desta segunda-feira (17) no interior de Minas Gerais. 

A causa da morte não foi informada e o enterro será no fim da tarde desta segunda. 

Em nota, a senadora Gleisi Hoffmann (PT), presidente nacional do partido, lamentou a perda. 

"O Partido dos Trabalhadores recebe com muita tristeza a notícia do falecimento de Olga Guedes da Silva, mãe do nosso querido companheiro José Dirceu.

Com ela se vai uma vida quase centenária de uma mulher forte e de uma mãe amorosa, que sempre esteve ao lado de seus filhos nos momentos mais difíceis.

Dona Olga, que ficou mais de dez anos sem ter notícia de seu filho José Dirceu, exilado pela ditadura e forçado a viver na clandestinidade em seu próprio país, suportou tudo com serenidade e dignidade. A mesma serenidade e dignidade que Chico Buarque cantou em “Mulheres de Atenas”.

Em seu coração de mãe, batia a certeza de que José Dirceu estava vivo e voltaria. Católica devota, sempre rezava por seu filho “porque em política, assim como você está bem em um dia, no outro pode estar mal”.

Mas, mesmo nessa péssima conjuntura do país, Dona Olga, José Dirceu e toda a sua família estão muito acima das perseguições mesquinhas e do ódio alimentado por uma mídia sem compromisso com a verdade.

Nesse momento de dor e sofrimento, enviamos à família o carinho e os sentimentos de todos os dirigentes e militantes do PT.

Vocês estão em nossos corações, que batem uníssonos com a certeza de que dias melhores virão.

Gleisi Hoffmann – presidenta nacional do PT"