Dicas para sua entrevista de emprego online, um guia para sua aprovação

Por Taís Targa

Levanta a mão quem nunca foi entrevistado por Skype, Whatsapp e até por telefone? Se você foi uma das raras pessoas que levantou o braço, aguarde…participar de uma entrevista não presencial vai fazer parte do seu destino.

Hoje no pós-pandemia a entrevista on line é praticada por mais de 90% das empresas, mesmo que você more na mesma cidade da vaga em questão.

Então, prepare-se! Falar diante das câmeras vai se mais do que necessário no nosso mundo globalizado. Eu acabei de gravar uma videoaula para os meus clientes em recolocação e divido aqui com você um resumo de tudo o que falei:

Fale olhando para a câmera: Se eu pudesse te dar uma única dica seria esta. Aprenda a falar olhando para webcam, nem para cima e nem para baixo. Se possível coloque a câmera na altura dos seus olhos, assim você vai gerar mais conexão. Lembre-se de deixar parte dos seus braços aparecendo e gesticule de modo a mostrar que tem mãos, rs. As vezes quando o candidato mostra só o pescoço e a cabeça fica a impressão de estar faltando algo.

Cuide do fundo que aparecerá atrás de você: prefira ambientes mais neutros e com tons amenos, de preferência com poucos objetos. Evite locais aglomerados ou que estejam desorganizados, você não vai querer passar a impressão de que é uma pessoa desleixada, né? Já entrevistei uma pessoa que estava na frente de uma cômoda com gavetas fechadas, mas que exibia algumas roupas e tecidos saindo para fora do móvel. Isto desviou minha atenção do entrevistado, pois meu cérebro queria entender o que eram os pedaços de pano soltos naquele ambiente.

Não de respostas monossilábicas ao explicar suas habilidades e talentos: Por exemplo, se o entrevistador perguntar seu domínio de Excel, mencione sobre o último curso que fez e que recursos sabe utilizar deste aplicativo. Algumas pessoas travam diante da câmera, esforce para ser o mais natural possível.

De preferência, esteja em um lugar calmo e livre de plateia e barulho: Nada mais desagradável do que ter cachorro latindo ou criança chorando como música de fundo. Busque também um local arejado e com um bom sinal de internet.

Teste todos os equipamentos. Se possível treine a entrevista com um colega antes, nada mais desagradável que sua webcam não funcionar bem na hora da entrevista.

Escolha um fone de ouvido com microfone, de preferência pequeno e discreto: Você não vai querer ficar com o cabelo todo bagunçado usando um fone de ouvido que ocupa metade da sua cabeça.

Capriche na apresentação pessoal: nem pense em dar a entrevista de trainning, vista-se de acordo para criar um ambiente mais formal e projetar uma autoimagem profissional. Emergências acontecem, telefone toca, alguém pode lhe interromper e ao levantar o recrutador vai prestar atenção em todo o seu corpo e apresentação pessoal. Então não vale colocar uma camisa social e bermuda na parte de baixo.

Evite tons muito claros: cores berrantes ou estampas elaboradas: o pretinho básico e a camisa azul cabem perfeitamente para esta ocasião.

Mantenha a naturalidade e sorria: Tente transmitir uma postura otimista e mostre-se entusiasmado quando for falar de si. Oriento aos meus clientes de já começarem a transmissão de imagem sorrindo. Assim, já gera mais empatia antes mesmo de começar a falar. Então, olhe agora para sua webcam e vai treinando o sorrisão, rs.

E se o recrutador não habilitar a câmera dele?> O que fazer. Veja o vídeo que preparei para você.

Tenha seu currículo e outras anotações à mão: É interessante anotar as perguntas e deixar para realizá-las em momento oportuno, geralmente ao final da entrevista. Evite misturar os papéis, pois quando folheados rapidamente podem fazer bastante barulho. Uma dica importante é você deixar post its colados com anotações perto da sua webcam.

Espero que sua entrevista seja um sucesso e lembre-se de entrar nas minhas redes sociais e me contar como foi o resultado.

Sobre a autora

Taís Targa (@taistarga) é psicóloga, coach, mestre em Educação, job hunter, especialista em Recolocação e Carreira. Reconhecida como uma das 15 brasileiras que mais influenciaram o LinkedIn em 2016 – LinkedIn Top Voices. Vlogueira, palestrante, escritora, viciada em redes sociais e empreendedora. Diretora da empresa TTarga Carreira e Recolocação. Autora do livro “Você de Emprego Novo” – Editora Évora e professora de pós graduação na FIA online.