Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Cuarón leva 4 troféus no Critics' Choice e provoca Trump

(Foto: Reprodução) - Cuarón leva 4 troféus no Critics' Choice e provoca Trump
(Foto: Reprodução)

Vencedor do Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro, Roma conquistou neste domingo, 13, quatro prêmios na 24ª edição do Critics Choice, incluindo os de melhor filme e diretor para o mexicano Alfonso Cuarón.

A produção também conseguiu os prêmios de melhor fotografia e de melhor filme estrangeiro. Na categoria melhor filme, a lista de candidatos tinha filmes como A Favorita, Pantera Negra e Infiltrado na Klan. "Esse bando de mexicanos é tão ruim quanto às vezes são pintados", declarou o cineasta, em uma clara referência ao discurso do presidente americano Donald Trump sobre imigração.

Já nas categorias de interpretação, Christian Bale levou o prêmio de melhor ator (Vice) enquanto Lady Gaga (Nasce Uma Estrela) e Glenn Close (A Esposa) compartilharam a estatueta de melhor atriz, em um empate. Lady Gaga também triunfou na categoria de melhor canção, pela música Shallow, e chorou em seu discurso. "Nunca vou esquecer de cantá-la para o Bradley (Cooper, diretor) para ver seu rosto se iluminar. Essa música é uma conversa entre homens e mulheres, fazendo perguntas uns aos outros sobre a vida e sobre a superficialidade da era moderna", afirmou ela.

Glenn Close falou sobre a competitividade no mundo feminino, que costuma prejudicar as próprias mulheres, e celebrou o empate. "Acho que posso falar por todas as mulheres desse lugar. Nós celebramos umas às outras", disse a atriz.

Entre os blockbusters, Pantera Negra ganhou prêmios por melhor figurino e efeitos visuais, enquanto Missão Impossível - Efeito Fallout foi o eleito entre os filmes de ação. Um Lugar Silencioso ganhou a estatueta de melhor filme de terror.

Além disso, Mahershala Ali (Green Book - O Guia) e Regina King (Se a Rua Beale Falasse) saíram vitoriosos como atores coadjuvantes. A Favorita, com Olivia Colman, Rachel Weisz e Emma Stone, obteve o reconhecimento como melhor elenco.

Por sua vez, a organização de críticos Broadcast Filme Critics Association (BFCA), criadora desses prêmios, entregou a estatueta de melhor roteiro a Paul Schrader (No Coração da Escuridão) e a de melhor roteiro adaptado a Barry Jenkins (Se a Rua Beale Falasse), enquanto a estrela de Oitava Série, Elsie Fisher, de 15 anos, foi coroada com o troféu de melhor ator ou atriz jovem.

A BFCA é a organização americana com maior número de críticos, cerca de 300 provenientes de veículos de comunicação de TV, rádio e internet.

Reclamação. O Screen Actors Guild (SAG) pediu na segunda, 14, à Academia de cinema que tente evitar que as estrelas apareçam em cerimônias de premiação antes do Oscar. Em uma declaração excepcionalmente crítica, o sindicato dos atores afirmou ter recebido vários relatos de que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas está pressionando os atores a aparecerem apenas no Oscar no próximo mês. Vários prêmios são concedidos antes disso, incluindo os próprios prêmios do sindicato, o SAG Awards, em 27 de janeiro.

"Essa intimidação egoísta aos membros do SAG visa a limitar as oportunidades de serem vistos e honrar o trabalho de seus colegas durante toda a temporada. Os atores devem ser livres para aceitar qualquer oferta para participar das comemorações da indústria", anunciou o sindicato em comunicado. "A tentativa da Academia de impedir que nossos membros apareçam em sua própria cerimônia de premiação é totalmente ultrajante e inaceitável. Nós telefonamos para a Academia para deixar claro que consideramos essa ação inapropriada."

Mensagens deixadas na segunda para representantes da Academia não foram, porém, respondidas. A briga aberta com o SAG é apenas a mais recente dor de cabeça para a Academia, que quer renovar a cerimônia do Oscar este ano. Há algumas semanas, por exemplo, foi descartado o plano de estabelecer uma categoria de melhor filme popular depois de enfrentar uma resposta negativa. (Com agências internacionais)

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo