Ex de Armie Hammer fala pela 1ª vez sobre escândalo de canibalismo do ator

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Elizabeth Chambers, a ex-mulher do ator Armie Hammer, quebrou o silêncio e falou pela primeira vez sobre o escândalo envolvendo o pai de suas filhas Harper, 7, e Ford, 5. Conhecido pelo filme “Me Chame Pelo Seu Nome”, o artista foi acusado de canibalismo e abuso por diversas mulheres.

“Eu me considero feminista e me solidarizo com qualquer pessoa que tenha sido vítima de qualquer tipo [de abuso]”, contou ao E! News. “Eu não digo tipo, ‘Minha vida é incrível’, porque tem sido um inferno há muito tempo.”

A história rendeu até a série documental “House of Hammer: Segredos de Família”, da Discovery+, que traz a tia do ator, Casey Hammer, como uma das entrevistadas. Chambers foi convidada para participar da obra, mas negou o pedido e assistiu o seriado em casa.

“Foi de partir o coração em tantos níveis; foi muito doloroso. Mas, ao mesmo tempo, [o abuso] existe. O passado é passado e tudo o que podemos fazer é aproveitar isso como um momento para aprender e ouvir, e esperançosamente processar e curar em cada capacidade.”

A ex de Hammer também contou que o ator está buscando ajuda e que, no momento, suas filhas são a questão mais importante para os dois. “Ele está focado na cura. […] E é o melhor pai para nossas crianças”.