Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba divulga datas da 11° edição

A nova edição do Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba já tem data para acontecer. O festival, que é voltado a todos os apaixonados pela sétima arte e pela cultura de forma geral, retorna com a 11ª edição em formato presencial e com parte da programação online, de 1º a 9 de junho.

“Depois de dois anos atuando em formato online, estamos muito felizes em poder voltar a ocupar as salas de cinema, exibindo produções que fogem dos grandes circuitos e que dão a oportunidade para longas e curtas-metragens de todo o mundo de serem apreciados pelos cinéfilos de plantão, além de promover encontros e bate-papos com críticos, cineastas e profissionais da área”, comenta um dos idealizadores do Olhar de Cinema, Antonio Gonçalves.

Entre as salas de cinema e espaços que receberão as produções selecionadas pela curadoria do festival, estão o Cine Passeio (R. Riachuelo, 410 – Centro, Curitiba); Teatro da Vila (R. Davi Xavier da Silva, 451 – Cidade Industrial, Curitiba); Cinemark Mueller (Av. Cândido de Abreu, 124 – Centro Cívico, Curitiba); a Cinemateca de Curitiba (R. Presidente Carlos Cavalcanti, 1174 – São Francisco, Curitiba); e o Museu Oscar Niemeyer (R. Mal. Hermes, 999 – Centro Cívico, Curitiba).

A relação completa de filmes selecionados para a edição será divulgada em breve.

O 11ª Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba ainda será marcado pela volta das mostras Pequenos Olhares, Olhares Clássicos e Olhar Respectivo.

“A Mostra Pequenos Olhares é voltada às crianças e adolescentes e tem o intuito de apresentar a experiência cinematográfica para as mais variadas idades, tornando-a um programa para toda a família. Já a Olhares Clássicos traz um panorama dos mais diversos filmes que marcaram a história do Cinema, passando por diferentes países, cineastas, gêneros e épocas. E a Olhar Retrospectivo dá destaque a um grande nome do cinema mundial, estudando sua trajetória e uma reflexão sobre suas obras”, explica Gonçalves.

O festival ainda reúne as seguintes mostras:

Mostra Competitiva: Reúne longas e curtas-metragens inéditos no Brasil com narrativas que se apresentam de forma envolvente e arriscada, em busca do equilíbrio entre inventividade e potencial de comunicação com o público;

Mostra Novos Olhares: Reúne longas-metragens com propostas estéticas mais radicais, convidando o público a diferentes sensações, podendo ser um mergulho lírico, investigações das criações alegóricas;

Mostra Outros Olhares: Reúne longas e curtas-metragens com uma grande variedade de propostas, estilos, linguagens e abordagens que refletem o mundo atual de extremos que vivemos, fazendo um diálogo entre produções inéditas e outras que já possuem trajetória internacional em festivais e mostras recentes;

Olhares Brasil: Reúne curtas e longas-metragens nacionais inéditos ou que já estiveram em festivais de cinema do Brasil e do mundo;

Mostra Foco: Destaca a uma obra ainda não conhecida pelo público, ou pouco vista nos circuitos de festivais brasileiros, dando a chance ao público de explorar uma produção ainda em formação e maturação, porém dentro de um conjunto de filmes que contém a força necessária para lançar um nome à posição de cineasta contemporâneo;

Mirada Paranaense: Convida o público a conhecer as primeiras produções de novos (as) diretores (as), assim como acompanhar obras inéditas de cineastas experientes, resultando em um panorama da produção audiovisual do Paraná;

– Exibições Especiais: Um espaço privilegiado para destaques do cinema nacional, mundial, pré-estreias e para a redescoberta de produções, passando por diferentes culturas, realidades e mesclando elementos do passado e presente para criar possibilidades futuras;

CURITIBAlab2022

Além das mostras especiais dentro do período do festival, o Olhar de Cinema realiza seminários e oficinas gratuitas, em que o público é convidado a refletir e debater sobre a linguagem cinematográfica e seus impactos no espectador. Há ainda o CURITIBAlab, um laboratório de desenvolvimento voltado exclusivamente para projetos de primeiros longas-metragens de ficção em andamento. A proposta do laboratório é de se consolidar como um espaço de escuta, troca e construção de conhecimentos para quem está iniciando no segmento de longas. Seis projetos brasileiros serão selecionados e, ao longo de quatro dias, receberão consultorias com profissionais de destaque do cinema nacional e internacional. As inscrições para o CURITIBAlab 2022 podem ser feitas até o dia 21 de abril de 2022.