Confira os premiados na cerimônia do Oscar 2022

O Oscar 2022 está sendo realizado na noite deste domingo (27.mar), no Teatro Dolby, em Hollywood, Los Angeles. A cerimônia é apresentada pelas comediantes Amy Schumer, Regina Hall e Wanda Sykes. Premiação de oito categorias consideradas técnicas foram anunciadas antes do início do evento.

Por mais um ano, o Brasil ficou sem estatuetas na premiação. “Onde eu moro”, de Pedro Kos, concorria ao prêmio de melhor documentário curta-metragem, mas o premiado na categoria foi “The Queen of Basketball”.

O filme mais premiado foi “Duna”, com seis estatuetas. Um dos favoritos, e filme com mais indicações, sendo 12 no total, “Ataque dos Cães” foi premiado “apenas” em Melhor Direção.

Confira abaixo os vencedores do Oscar 2022:

Melhor Filme

Vencedor: No Ritmo do Coração (Philippe Rousselet, Fabrice Gianfermi e Patrick Wachsberger)

“No Ritmo do Coração” surpreendeu e fez história ao ganhar o principal prêmio do Oscar 2022. É a primeira vez que um filme de uma plataforma de streaming (Apple TV +)  leva a estatueta de Melhor Filme. O filme independente disparou na última semana como o grande favorito e na reta final bateu o “Ataque do Cães”, que tinha 12 indicações mas recebeu apenas a estatueta de Melhor Direção para Jane Campion. 

Melhor Atriz

Vencedora: Jessica Chastain (Os Olhos de Tammy Faye)

O filme é um tanto confuso e não foi bem aceito pela crítica, mas a atriz foi capaz de superar isso tudo e despontando pela interpretação e transformação pela qual passou. A atuação dela e o belíssimo trabalho de maquiagem e cabelo a levaram ao Oscar. O filme levou também o prêmio de Melhor Maquiagem.

Melhor Ator

Vencedor: Will Smith (King Richard – Criando Campeãs)

Will Smith interpreta Richard e o foco do filme é como o pai das estrelas Williams dedicava seus dias a treiná-las pessoalmente nas quadras do subúrbio de Los Angeles e a batalha dele em convencer treinadores profissionais – brancos – a patrocinar as futuras campeãs mundiais. 

Melhor Direção

Vencedora: Jane Campion (Ataque dos Cães)

A diretora neozelandesa Jane Campion foi agraciada pela direção de “Ataque do Cães”, filme com maior quantidade de indicações, 12 no total. Campion há havia feito história antes mesmo da festa do Oscar, já que é a primeira mulher a ser indicada duas vezes como melhor diretora, em 94 anos de premiação. 

Melhor Atriz Coadjuvante

Vencedora: Ariana DeBose (Amor, Sublime Amor)

A atriz já era a grande favorita pelo papel de Anita em “Amor, Sublime Amor”. Ganhou os principais prêmios da temporada incluindo o Bafta, Critic Award e o SAG e o Globo de Ouro. A atriz Rita Moreno recebeu o Oscar há 60 anos como Melhor Atriz Coadjuvante pelo mesmo papel de Anita.

Melhor Ator Coadjuvante

Vencedor: Troy Kotsur (No Ritmo do Coração)

O ator americano Troy Kotsur, de 53 anos, acaba de fazer história no momento mais emocionante, até agora, na cerimônia do Oscar. Ele o primeiro ator deficiente auditivo a ganhar a estatueta de Melhor Ator Coadjuvante. Troy agradeceu Sian Heder, diretora de “No Ritmo do Coração” por ter dado holofotes às pessoas com deficiência auditiva.

Melhor Filme Internacional

Vencedor: Drive My Car (Japão)

Escrito sob a perspectiva da desilusão e do luto, a trama fala de desejo, amor, culpa e sobre o tempo que sempre passa tão rápido. Um drama pesado adaptado de um conto de Harumki Murakami. 

Melhor roteiro original

Vencedor: Belfast (Kenneth Branagh)

Em sua oitava indicação, Kenneth Branagh enfim ganhou seu primeiro Oscar, com Belfast, longa onde ele mostra as lembranças de sua infância na Irlanda do Norte, durante a época do The Troubles.

Melhor roteiro adaptado

Vencedor: No Ritmo do Coração (Sian Hêder)

Melhor Documentário

Vencedor: Summer of Soul (Ahmir “Questlove” Thompson, Joseph Patel, Robert Fyvolent e David Dinerstein)

Melhor Figurino

Vencedor: Cruella (Jenny Beavan)

Melhores Efeitos Visuais

Vencedor: Duna (Paul Lambert, Tristan Myles, Brian Connor e Gerd Nefzer)

Melhor Documentário Curta-metragem

Vencedor: The Queen of Basketball (Ben Proudfoot)

“The Queen of Basketball” traz um retrato da jogadora Lucy Harris, que marcou a primeira cesta na história olímpica feminina do time de basquete americano. Harris foi a primeira e única mulher oficialmente convocada para a NBA. Ela morreu em 18 de janeiro deste ano antes mesmo de serem anunciados os indicados ao Oscar 2022.

Melhor Animação

Vencedor: Encanto (Jared Bush, Byron Howard, Yvett Merino e Clark Spencer)

Melhor Fotografia

Vencedor: Duna (Greig Fraser)

Melhor Som

Vencedor: Duna (Mac Ruth, Mark Mangini, Theo Green, Doug Hemphill e Ron Bartlett)

Melhor Trilha Sonora Original

Vencedor: Duna (Hans Zimmer)

Melhor Música Original

Vencedor: “No Time to Die”, de Billie Eilish e Finneas O?Connell (007 – Sem Tempo para Morrer)

Melhor curta-metragem de animação

The Windshield Wiper (Alberto Mielgo and Leo Sanchez) 

Melhor Montagem

Vencedor: Duna (Joe Walker)

Melhor Direção de Arte

Vencedor: Duna (Patrice Vermette e Zsuzsanna Sipos)

Melhor Curta-metragem em Live Action

Vencedor: The Long Goodbye (Aneil Karia e Riz Ahmed)

Melhor Maquiagem e Penteado

Vencedor: Os Olhos de Tammy Faye (Linda Dowds, Stephanie Ingram e Justin Raleigh)

Informações SBT News