Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Castelo Eldorado reúne lendas e luxo em Marilândia do Sul; assista

Envolto em lendas de ter servido como abrigo para nazistas e até de ter um mordomo fantasma, o Castelo Eldorado é uma paisagem europeia no norte do Paraná. O prédio foi construído na década de 1940, em Marilândia do Sul, e hoje atrai visitantes, curiosos pela beleza e também pelo suspense.

Uma família alemã foi a responsável pela fundação do castelo, no período da Segunda Guerra Mundial. Com o racionamento de combustível, os materiais eram trazidos em carros de bois.

Devido aos donos alemães, surgiram os boatos que o castelo teria escondido nazistas. Outras lendas, estas sobrenaturais, causam medo aos visitantes, como vultos e barulhos sem explicação.

Moradora do local há 35 anos, Célia Palhares ri das histórias. “Nunca vi nada disso, eu nem sei o que é assombração. Isso aqui é tranquilo, de paz”, afirmou. O marido dela comprou o prédio na década de 1960.

O Castelo Eldorado foi construído com tudo de mais luxuoso à época, como as escadas de mármore italiano. Uma das suítes tem 150 m², cortinas vindas da França e decoração de um artista espanhol.

Toda a riqueza gerou até a república Eldorado, com cerca de 5 mil pessoas vivendo nas proximidades, com direito à moeda própria – o boró. Porém, com o fim do ciclo da madeira, a república se desmanchou.

Hoje, o castelo é aberto para visitação, com ingressos a R$ 20, e alugado para fotos e festas.

Colaboração Fernanda Rípoli e Alex Magosso da Rede Massa

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo