Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

'Musical deixa mostrar meu lado atriz', diz Baby do Brasil

Por que a década de 1970 é tão especial?

O que faz a gente dançar hoje é fruto dos anos 1960 e 70. E não só na música, mas também na dramaturgia, na literatura, no cinema, tudo criado naquele tempo é e será sempre fundamental. O espetáculo é importante também porque resgata todos os instrumentos musicais usados naquele momento, especialmente as guitarras, que eram criticadas por grandes cantoras como Dalva de Oliveira.

Como é trabalhar com As Frenéticas?

Ainda que a gente só apareça junto no fim do espetáculo, o encontro não é só maravilhoso porque elas são fantásticas, mas também por uma coincidência: estreei no mesmo teatro que elas, o Tereza Raquel, no Rio (hoje Theatro Net), naqueles anos 1970.

E como é pisar em um palco sem ser em um show seu?

A experiência permite mostrar meu lado atriz, que sempre quis mostrar. E aproveito para aprender mais sobre como dirigir uma peça. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo