Curitiba recebe apresentações gratuitas do premiado espetáculo “VIK”, do teatro ilusionista de Maicon Clenk

De 9 a 12 de junho, Curitiba recebe o espetáculo mágico “VIK – O Micro Espetáculo”, do ilusionista e diretor Maicon Clenk. As apresentações são gratuitas e ocorrem nos dias 9 e 10, às 20h30; e 11 e 12 , às 16 horas e às 20h30, no Guairinha. Os ingressos devem ser retirados via Sympla.

A peça, que é voltada para todas as idades, aborda a magia dos ciclos da vida e conta a história de um ser elemental que tem a missão de proteger o reino vegetal, quando então decide retornar à pedra sagrada e semear em terras áridas.

Criador do “Teatro Ilusionista”, Maicon Clenk faz o uso de técnicas de ilusionismo de forma inovadora. “No Teatro Ilusionista os efeitos mágicos estão a serviço de uma história. A figura do mágico tradicional sai de cena e dá lugar a outros personagens. Por meio da combinação de efeitos visuais, movimento, música e dramaturgia, o espetáculo todo se torna o mágico”, comenta o diretor sobre “VIK”, que ganhou o Troféu Gralha Azul nas categorias “Melhor Espetáculo” e “Melhor Atriz”, sendo ainda indicado como Melhor Dramaturgia, Direção, Figurino e Iluminação, em 2019.

A atriz Juliana Caldas, conhecida nacionalmente não só pela sua carreira no teatro, mas também pelo sucesso na novela “O Outro Lado do Paraíso”, da TV Globo, é a protagonista VIK, sendo o primeiro solo do mundo interpretado por uma artista com nanismo.

Os bonecos utilizados na peça foram criados pelo artista plástico Jésus Seda, um dos responsáveis pela criação dos bonecos dos icônicos programas de TV, “Castelo-Rá-Tim-Bum” e “Cocórico”.

Além de Curitiba, “VIK – O Micro Espetáculo” ainda passará pela cidade de Rio Negro (2 e 3 de julho) antes da estreia de sua grande temporada em São Paulo, no final do mês de julho, no Teatro Alfa.

Serviço

“VIK – O Micro Espetáculo”Data: 9, 10, 11 e 12 de junho
Horários: 20h30 – nos dias 9 e 10
16h e 20h30 – nos dias 11 e 12
Local: Guairinha (Rua XV de Novembro, 971 – Centro).
Ingressos Gratuitos – Devem ser retirados pelo Sympla Classificação Livre