Em 13 edições, Oscar de Melhor Direção teve só dois vencedores dos EUA

Chinesa Chloe Zhao venceu o prêmio neste domingo. Foi a segunda mulher a levar a estatueta

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas — responsável pela entrega do Oscar — tem se modernizado e aberto cada vez mais espaço para filmes feitos fora dos Estados Unidos. O ápice veio no ano passado, quando o sul-coreano Parasita venceu o prêmio máximo, de Melhor Filme. Mas uma outra categoria, a de Melhor Diretor, é ‘globalizada’ há bem mais tempo. Desde 2009, apenas dois norte-americanos levaram esse troféu para casa. As informações são do SBT News.

Neste domingo (25.abr), Chloe Zhao fez história ao tornar-se a segunda mulher — a primeira não branca — a vencer o Oscar de Melhor Direção. Nascida em Pequim, a diretora de Nomadland, manteve a estatueta entre asiáticos. No ano passado, o vencedor foi o sul-coreano Bong Joon-Ho, de Parasita.

Antes deles, houve uma hegemonia mexicana. Alfonso Cuarón venceu duas vezes (2014, por Gravidade; e 2019, por Roma), assim como Alejandro Iñarritu, que emplacou uma dobradinha (2015, por Birdman ou a Inesperada virtude da ignorância; e 2016, por O regresso). Guillermo del Toro completa a lista, com uma estatueta (em 2018, por A forma da água).

No período, o Oscar de Melhor Direção teve ainda entre os vencedores dois britânicos (Danny Boyle em 2009, por Quem quer ser um milionário; e Tom Hooper, em 2011, por O discurso do rei), um francês (Michel Hazanavicius, em 2012, por O artista) e um taiwanês (Ang Lee, em 2013, por As aventuras de Pi).

Os únicos dois norte-americanos a faturar o prêmio desde 2009 foram Damien Chazelle (2017, por La la land) e Kathryn Bigelow (2010, por Guerra ao terror). Bigelow foi a primeira mulher na história da premiação a vencer na categoria, derrotando, entre outros concorrentes, seu ex-marido James Cameron (Avatar).

Confira a lista de vencedores do Oscar de Melhor Direção desde 2009:

  • 2009 – Danny Boyle (Reino Unido)
  • 2010 – Kathryn Bigelow (Estados Unidos)
  • 2011 – Tom Hooper (Reino Unido)
  • 2012 – Michel Hazanavicius (França)
  • 2013 – Ang Lee (Taiwan)
  • 2014 – Alfonso Cuarón (México)
  • 2015 – Alejandro Iñarritú (México)
  • 2016 – Alejandro Iñarritú (México)
  • 2017 – Damien Chazelle (Estados Unidos)
  • 2018 – Guillermo del Toro (México)
  • 2019 – Alfons Cuarón (México)
  • 2020 – Bong Joon-Ho (Coreia do Sul)
  • 2021 – Chloe Zhao (China)