Cantora Marília Mendonça morre em acidente aéreo aos 26 anos

A cantora Marília Mendonça morreu no acidente aéreo ocorrido na tarde desta sexta-feira (5) na cidade de Piedade de Caratinga (MG), de acordo com o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais. A artista de 26 anos estava na aeronave que caiu em uma cachoeira da região e não resistiu aos ferimentos. Os outros quatro ocupantes da aeronave também morreram na tragédia.

A assessoria da cantora confirmou a morte de todos os ocupantes da aeronave em nota. “Com imenso pesar, confirmamos a morte da cantora Marília Mendonça, seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e co-pilto do avião, os quais iremos preservar os nomes neste momento. O avião decolou de Goiânia com destino a Caratinga/MG, onde Marília teria uma apresentação esta noite. De momento, são estas as informações que temos”.

A notícia também foi divulgada pelo Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, também em nota. “O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais informa que nesta sexta (5), ocorreu a queda de uma aeronave de pequeno porte, modelo Beech Aircraft, na zona rural de Piedade de Caratinga. O CBMMG confirma que a aeronave transportava a cantora Marília Mendonça e que ela está entre as vítimas fatais.”

A cantora Marília Mendonça compartilhou um vídeo em suas redes sociais no qual aparece andando em direção ao avião que caiu na tarde desta 6ª feira (5.nov), em Piedada de Caratinga. Na publicação, a sertaneja pede dicas para os fãs de “delícias” do estado de Minas Gerais.

Trajetória de Marília

Ainda menor de idade, Marília Mendonça começou a se destacar como compositora. Aos 12 anos, começou a escrever com a música “Minha Herança”. Nessa mesma época, ela também compôs “Vai ter balanga”.

Mesmo com pouca idade, ela colecionava grandes sucessos como compositora: “É Com Ela Que Eu Estou” – na voz de Cristiano Araújo, “Até você voltar” e “Cuida Bem Dela” – sucesso de Henrique & Juliano.
Em 2015, com 20 anos, Marília gravou seu primeiro DVD. Quando lançou o trabalho ganhou grande destaque nacional, especialmente com as músicas “Sentimento Louco” e “Infiel”, que foi uma das mais tocadas de 2016.

Em 2016 lançou seu segundo DVD: Realidade. No repertório estava “Eu Sei de Cor”, que se tornou um hit brasileiro. A gravação aconteceu no dia 8 de outubro no Sambódromo em Manaus.

Nos últimos anos, Marília fazia cerca de 25 shows por mês. Ela ficou conhecida como rainha da sofrência e se tornou um grande símbolo do sertanejo brasileiro. Nas redes sociais, teve alcance de 3 bilhões de visualizações e mais de 5 milhões de inscritos no canal do YouTube.

Além de músicas em novelas e coletâneas de sucesso, Marília tinha multidões de fãs, que a acompanhavam em shows e eventos.

Essa notícia está em atualização!