Taís Araújo expõe bronca de Walcyr Carrasco após se recusar a fazer cena íntima aos 17 anos

A atriz Taís Araújo fez uma revelação pra lá de polêmica sobre os bastidores da novela “Xica da Silva”, de 1996, da TV Manchete. Na época, a artista, que vivia a protagonista da trama, teria sido pressionada a fazer uma cena íntima

“Xica foi retratada, muitas vezes, pelo lado erótico. Quando eu fui fazer, eu tinha 17 para 18 anos. No momento em que eu neguei fazer uma cena de sexo analWalter Avancini e Walcyr Carrasco [diretor e autor da novela] foram publicamente dizer que eu estava transformando a Xica da Silva em Maria Chiquinha”, lembrou Taís em entrevista ao programa Roda Viva com Zezé Motta, que interpretou a mãe de Xica da Silva, Maria da Silva, na novela. 

“Meu Deus, que loucura. Sabe que essa história que você contou eu nunca soube?”, apontou Zezé, que completou falando sobre a erotização da mulher negra na televisão. 

Recentemente, Taís revelou que tem o desejo de recontar a história de Xica, que escandalizou a sociedade ao se casar com o contratador de diamantes João Fernandes de Oliveira durante o período do Brasil Colonial. “Eu tenho muita vontade de recontar essa história, sabe? Para a gente olhar para a Xica como ela merece. Acho que ela foi uma mulher articuladora, uma mulher muito política, uma mulher bastante inteligente. Ela nunca foi retratada dessa maneira como merecia ser, como devia”, afirmou a atriz em entrevista ao Notícias da TV.

Informações de Fofocalizando