Christina Rocha comenta fim do programa Casos de Família: “estava saturada”

O último programa do Casos de Família, apresentado por Christina Rocha, no SBT, já tem data de encerramento: no dia 7 de setembro terminam as gravações da atração que acumula 18 anos de história.

Com o anúncio, Christina abriu os sentimentos no podcast Vênus sobre o fim do programa. “Estou muito animada, eu estava saturada. Não gosto de ficar acomodada, eu não sou a Christina do Casos de Família, a Christina do SBT, sou apresentadora. Queria ter um programa diversificado, com entrevistas, nunca me deram a oportunidade de fazer esse tipo de programa. Acho que eu poderia ter feito muitas coisas e posso fazer porque não estou morta”, contou.

No comando por 13 anos, Christina se diz orgulhosa de toda a história que construiu como apresentadora no Casos de Família e que cresceu muito como pessoa, tendo que lidar com temas que mostravam problemas reais da sociedade.

Mas, para ela, o que levou o término da atração foi o modelo repetitivo: “É um formato engessado. Em 13 anos chega uma hora que acaba sendo repetitivo. O que gostaria de ter feito em outras cidades, mas não tivemos condições. Queria uma mudança, alguma coisinha nova, não é fácil fazer 13 anos sem nenhum recurso, recursos até pela falta de convidados”, explica.

Na entrevista ao podcast, Christina diz pensar no futuro e sobre os novos desafios que tem para encarar. “[…], mas agora eu estou me sentindo renovada. Eu quero renascer, quero fazer outras coisas, tenho outras facetas, faço qualquer coisa”, completou.

A apresentadora ainda continua sendo funcionária do SBT.