Dani Calabresa conta episódio traumático no Programa do Jô

Durante uma entrevista no podcast Podpah, que foi ao ar nesta quinta-feira (18), Calabresa contou em detalhes como se sentiu após levar um esporro de um diretor.

O caso aconteceu entre 2009 e 2010, na primeira vez da artista no Programa do Jô. Segundo ela, o diretor começou a brigar por um atraso que não havia acontecido. “Eu tomei um esporro dele, que eu não sabia o motivo”, contou Dani.

“Estava me cagando de medo. Me chamaram para fazer uma entrevista. Você faz a pré-entrevista pelo telefone. O cara me perguntou coisas básicas, respondi. Cheguei no cenário, no estúdio, o diretor olhou pra mim e disse: ‘Nossa, até que enfim apareceu a Margarida’. Eu já estava nervosa”, completou.

Mas não parou por aí. Calabresa contou que depois a produção pediu de última hora um stand-up. Na hora de revisar a apresentação com o mesmo diretor, a sensação de humilhação veio novamente: Fiz meu texto com lágrima presa no olho, ele não riu de nada. Ele saiu, comecei a chorar, tremer”, relembrou.

“Eu não esqueço. Foi horrível. Eu não assisti a minha entrevista durante um ano porque eu saí chorando de lá, foi horrível”.