Advogados de Djokovic dizem que cancelamento do visto deveria ser anulado porque decisão não é “razoável”

MELBOURNE (Reuters) – A Austrália cancelou o visto de Novak Djokovic porque sua presença no país pode estimular sentimento contrário à vacinação, e não porque ele não está vacinado contra a Covid-19, disseram seus advogados a um tribunal na noite de quinta-feira.

A decisão do ministro da Imigração do país foi “patentemente não razoável”, disse o advogado de Djokovic, Nicholas Wood, ao Tribunal Federal de Circuito e Família da Austrália.