Após título inédito, Hugo Calderano fica em quinto no ranking mundial e faz história

Hugo Calderano conquistou nesta terça-feira (28) mais um feito inédito para o tênis de mesa brasileiro. Com a atualização semanal do ranking mundial da modalidade, realizada pela Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF), ele aparece pela primeira vez no Top 5, em quinto lugar. Esta é a melhor colocação de um tenista da américa latina desde a criação do ranking.

Após o título do WTT Star Contender, uma das principais competições do Circuito Mundial da modalidade, Hugo Calderano subiu três posições no ranking e tem agora 8.464 pontos. O atleta está a menos de trezentos pontos do quarto colocado, o japonês Tomokazu Harimoto (8.709), e abriu menos de cem pontos do, agora, sexto lugar, o taiwanês Lin Yun-Ju (8.375). O chinês Fan Zhendong é o líder, com 12.494.

O brasileiro que chegou mais próximo de Calderano antes da criação do ranking foi Ubiraci Rodrigues da Costa, o Biriba, 19º colocado em 1961, quando derrotou o chinês campeão mundial Ruo Guotan, no Mundial de Pequim.

O degrau alcançado por Calderano mostra a evolução dele no tênis de mesa mundial. Desde 2018 ele vem frequentando o grupo dos dez melhores mesa-tenistas do mundo, saindo desta lista em apenas dois meses neste período.

Outros brasileiros

A nova lista mostra Gustavo Tsuboi na mesma posição anterior do ranking masculino (37º), com Vitor Ishiy e Eric Jouti subindo uma posição, em 63º e 92º, respectivamente. Thiago Monteiro caiu um degrau, passando agora a ser o número 89.

No ranking feminino, Bruna Takahashi teve um avanço importante após chegar nas quartas de final do WTT Star Contender. Ela subiu quatro posições e agora é a 45 do mundo, seu melhor ranking na carreira. Jessica Yamada aparece em 143ª, enquanto Carol Kumahara está duas posições abaixo.

Outro resultado importante é percebido nas duplas mistas. Vitor Ishiy e Bruna Takahashi saltaram dez posições em relação ao ranking anterior e agora estão na 28ª colocação.

Com informações do CBTM