Verstappen larga na pole no GP do Bahrein de Fórmula 1

Com a colaboração de Estadão Conteúdo

Sakhir, 04 (AE) – O bicampeão do mundo Max Verstappen mostrou estar mais vivo do que nunca. Depois de ver o espanhol Fernando Alonso dominar os melhores tempos nos treinos livres para o GP do Bahrein, o holandês mostrou a que veio no qualificatório deste sábado e cravou a pole position com a marca de 1min29s708 na abertura da temporada da Fórmula 1. Esta é a sua 21ª pole da carreira e vai ser a segunda vez que ele vai sair no posto de honra do grid de largada no circuito de Sakhir.

gp-bahrein-formula-1
Foto: Reprodução/Instagram

O GP do Bahrein, corrida inaugural do calendário de 2023 da Fórmula 1, acontece neste domingo, a partir do meio-dia, com transmissão da Band.

A RBR inicia a temporada em grande estilo e ocupa também a segunda posição no classificatório com Sérgio Perez ao lado de Verstappen. Charles Leclerc, que chegou a dar um susto ao quase não se classificar para a parte final do treino oficial, fica em terceiro lugar. Depois de ver o holandês melhorar o seu tempo e garantir a pole, o monegasco acabou abrindo mão de uma última tentativa e contentando com a segunda fila.

Carlos Sainz, também da Ferrari, sai na quarta colocação enquanto Fernando Alonso, que chamou para si os holofotes pelo bom desempenho do seu carro nos treinos livres, fica apenas com o quinto melhor tempo. O heptacampeão Lewis Hamilton voltou a ter problemas com a sua Mercedes. Ele até conseguiu, momentaneamente, estabelecer o melhor tempo durante as tomadas. Porém, seu carro não conseguiu acompanhar o ritmo dos demais concorrentes e larga em sétimo.

A surpresa entre os dez primeiros colocados no grid é a presença do alemão Nico Hulkenberg, da Haas, que obteve o décimo tempo e desbancou, por exemplo, as duas McLaren, que não conseguiram chegar no Q3.

Como foi o treino do GP do Bahrein

No treino, o Q1 logo sofreu uma paralisação. Os juízes da prova aplicaram a bandeira vermelha após o ferrarista Charles Leclerc abortar a sua primeira volta. Pedaços de seu carro “voaram” na pista. A paralisação foi solicitada para a remoção dos detritos

Na retomada da atividade, todas as atenções ficaram voltadas para Fernando Alonso e Max Verstappen. No entanto, outros pilotos também entraram em cena. Carlos Sainz mostrou a cara da Ferrari ao fazer 1min30s993, superando George Russell, dono do segundo melhor tempo em seis milésimos. Logo atrás, apareceu outra Ferrari, a de Charles Leclerc nesta primeira metade de Q1.

Ao final, Stroll conseguiu um bom desempenho e conseguiu a quinta vaga ao fazer 1min31s181 seguido de Nico Hulkemberg. Essa “intromissão” acabou empurrando Verstappen para baixo ficando com o sétimo tempo.

No Q2, Verstappen finalmente começou a mostrar suas armas e pulou para o primeiro lugar com 1min30s501. Pérez se segurou em segundo mantendo o ritmo e Hamilton, Russel e Alonso conservaram as cinco melhores marcas. Ao final, um susto. Leclerc estava para sair quando, na última volta, fez 1min30s282 e passou de azarão ao dono do primeiro posto nesta fase. Com Lando Norris ocupando apenas a 11ª posição, a McLaren acabou saindo mais cedo na briga por colocações melhores no grid.

No Q3, acabou prevalecendo a força dos carros da RBR, que garantiram a primeira fila. As Ferraris, com Leclerc e Sainz, asseguraram as duas vagas na segunda fila mostrando que a temporada que se inicia segue o mesmo ritmo da disputa que encerrou o calendário de 2022 da F-1.

Confira o grid de largada para o GP do Bahrein:

  • 1º – Max Verstappen (HOL/Red Bull), em 1min29s708
  • 2º – Sérgio Pérez (MEX/Red Bull), em 1min29s846
  • 3º – Charles Leclerc (MON/Ferrari), em 1min30s000
  • 4º – Carlos Sainz (ESP/Ferrari), em 1min30s154
  • 5º – Fernando Alonso (ESP/Aston Martin), em 1min30s336
  • 6º – George Russell (ING/Mercedes), em 1min30s340
  • 7º – Lewis Hamilton (ING/Mercedes), em 1min30s384
  • 8º – Lance Stroll (CAN/Aston Martin), em 1min30s836
  • 9º – Esteban Ocon (FRA/Alpine), em 1min30s984
  • 10º – Nico Hulkenberg (ALE/Haas), em 1min30s991
  • 11º – Lando Norris (ING/McLaren), em 1min31s381
  • 12º – Valtteri Bottas (FIN/Akfa Romeo), em 1min31s443
  • 13º – Zhou Guanyu (CHI/Alfa Romeo), em 1min31s473
  • 14º – Yuki Tsunoda (JAP/AlphaTauri), em 1min32s510
  • 15º – Alexander Albon (TAI/Williams), em 1min32s847
  • 16º – Logan Sargeant (EUA/Williams), em 1min31s652
  • 17º – Kevin Magnussen (DIN/Haas), em 1min31s892
  • 18º – Oscar Piastri (AUS/McLaren), em 1min32s101
  • 19º – Nick De Vries (HOL/Alpha Tauri), em 1min32s121
  • 20º – Pierre Gasly (FRA/Alpine), em 1min32s181
Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!
ENTRAR NO GRUPO
Compartilhe essa matéria nas redes sociais
Ative as notificações e fique por dentro das notícias
Ativar notificações
Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia
Alisha
Alorino
Antônio Carlos
Bianca Granado
Camila Santos
Edvaldo Corrêa
Elaine Damasceno
Fabiano Tavares
Gabriel Pianaro
Giselle Suardi
Guilherme C Carneiro
Mateus Afonso
Mauro Mueller
Oseias Gomes
Papai em Dobro
Tais Targa