Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Hamilton volta a liderar treino livre e deixa Rosberg em 2º; Massa sobe para 4º

O capítulo inicial da disputa entre Lewis Hamilton e Nico Rosberg no GP do Brasil de Fórmula 1 foi vencido pelo piloto inglês nesta sexta-feira. Depois de liderar pela manhã o primeiro treino livre no Autódromo de Interlagos, o tricampeão mundial voltou a garantir a ponta na sessão realizada à tarde, deixando seu companheiro de Mercedes em segundo lugar e mostrando que virá forte para a definição do grid neste sábado e para a corrida de domingo.

Com o objetivo de impedir que Rosberg seja campeão por antecipação em São Paulo, onde o alemão defenderá uma vantagem de 19 pontos na liderança na luta por um título inédito para ele, Hamilton cravou o tempo de 1min12s271 para terminar o dia na frente. Assim, superou por muito pouco o seu parceiro de Mercedes, que marcou 1min12s301 em sua melhor volta.

Já Felipe Massa, que havia iniciado o dia com um razoável oitavo lugar, evoluiu com a sua Williams para fechar a sexta na quarta posição ao completar a sua melhor volta em 1min12s789, ficando também muito pouco atrás do finlandês Valtteri Bottas, seu companheiro de equipe, que se garantiu em terceiro com o tempo de 1min12s761.

Desta forma, a Williams deixou para trás a dupla da Red Bull, que veio logo atrás com Daniel Ricciardo em quinto com 1min12s828 e Max Verstappen em sexto com 1min12s928. Horas mais cedo, o australiano havia ficado em quarto no primeiro treino livre, no qual o holandês surpreendeu Rosberg ao terminar em segundo lugar, deixando o alemão em terceiro.

Sem conseguir andar na casa de 1min12s, Sebastian Vettel e o finlandês Kimi Raikkonen ficaram respectivamente na sétima e na oitava posições deste segundo treino em Interlagos. O alemão tetracampeão mundial cravou 1min13s002 com sua Ferrari, enquanto o seu companheiro de equipe marcou 1min13s047.

O grupo dos dez primeiros foi fechado pelo alemão Nico Hülkenberg, nono pela Force India, e pelo inglês Jenson Button, o décimo pela McLaren, que ainda teve o espanhol Fernando Alonso terminando em 11º depois de enfrentar problemas em seu carro que o obrigaram abandonar o treino a mais de 30 minutos do seu fim.

O brasileiro Felipe Nasr, por sua vez, finalizou o dia em 17º com sua Sauber ao marcar 1min14s309, depois de ter ficado em 16º na primeira parte do dia.

O TREINO - Após um primeiro treino livre realizado com clima ensolarado e céu azul no Autódromo de Interlagos, a segunda sessão de pista desta sexta-feira aconteceu já com tempo um pouco mais fechado e várias nuvens, mas o calor seguiu intenso e não choveu. A previsão meteorológica indicava possibilidade de chuva na hora do segundo treino livre, mas ela não apareceu.

Em meio a estas condições, Ricciardo foi o primeiro a cravar volta mais rápida, antes de ser ultrapassado por Hamilton e novamente recuperar o topo. Depois, logo após o treino completar sua primeira meia hora, Massa assumiu a ponta ao completar uma volta em 1min12s789, mas logo em sequência o brasileiro viu Bottas lhe tomar a liderança ao marcar 1min12s761.

E fato parecido aconteceu cinco minutos depois, quando Rosberg cravou o melhor tempo do treino e logo em seguida Hamilton superou a marca ao cronometrar 1min12s271. Bottas e Massa vinham se sustentando logo atrás da dupla da Mercedes, enquanto Ricciardo, Verstappen, Vettel e Raikkonen fechavam, nesta ordem, o grupo dos oito primeiros.

Fora do grupo dos dez primeiros, Alonso precisou encostar a sua McLaren na área de escape e deixar o treino a 36 minutos do seu fim por causa de problemas em seu carro. O francês Romain Grosjean, por sua vez, tinha dificuldades para manter o seu monoposto na pista e chegou a reclamar via rádio de problemas em sua Haas.

Apesar das nuvens, o calor continuava forte, batendo na casa dos 31ºC e com a temperatura da pista atingindo até 53ºC. O calor só foi aliviar na parte final do treino, quando várias nuvens cercavam Interlagos.

E na última meia hora do treino não teve nenhum piloto de expressão melhorando o seu tempo, deixando sem maiores emoções a parte final da sessão, que teve Alonso roubando a cena ao brincar com um operador de câmera e ainda tentando fazer embaixadinhas com uma pedrinha na área de escape de Interlagos.

Após o encerramento das atividades de pista desta sexta-feira em Interlagos, o terceiro e último treino livre será às 11h deste sábado, quando a sessão qualificatória para o grid começa às 14h, mesmo horário da largada da corrida de domingo, quando ocorrerá a disputa da penúltima etapa deste Mundial de Fórmula 1.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo