Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Piloto iguaçuense disputa título de campeão brasileiro de motovelocidade

Divulgação - Iguaçuense disputa título de campeão brasileiro de motovelocidade
Divulgação

O iguaçuense Márcio Bortolini tem grandes chances de tornar-se campeão brasileiro de motovelocidade, na categoria 600 SuperSport ProAM, neste fim de semana, no autódromo Internacional de Interlagos, em São Paulo (SP).

Bortolini é empregado da Itaipu e se dedica à motovelocidade nas horas de folga. Ele está a três pontos do líder do campeonato – o paulista Diego Viveiros, campeão da copa Kawasaki Ninja 600, em 2015, e campeão paulista, em 2016, da 600 SuperSport ProAM. A disputa acontecerá em rodada dupla, neste domingo (4), às 11h20, e às 15h20. Haverá transmissão ao vivo pelo Youtube, no canal https://www.youtube.com/user/SuperBikeBrasil. Mesmo sem pontuar, o piloto já terá garantido a terceira colocação.

Para ganhar o título, Bortolini precisa eliminar dois fortes concorrentes e terminar pelo menos uma das corridas entre os quatro primeiro colocados. A esperança de vitória é grande.

Na terceira colocação, outro paulista, Cristiano Nogueira, também segue na disputa para levar a taça. Depois de um começo difícil na temporada, Bortolini, piloto da Granado Sport Team, que, na pior fase, ficou 38 pontos atrás do líder, vive sua melhor etapa. Chegou a somar quatro pontos em três provas.

Mas a situação se inverteu com uma sequência de bons resultados: cinco vitórias e a segunda colocação nas nove corridas disputadas até agora, entre elas, quatro consecutivas. Sem contar as últimas cinco pole-positions conquistadas. O iguaçuense está otimista.

"Espero continuar a desenvolver o trabalho que estamos fazendo ao longo da temporada. A moto é muito competitiva e confiável. Sinto que estou preparado tanto fisicamente quanto mentalmente para essa batalha. Vamos para a etapa final com muito foco e prontos para trazer mais três troféus para Foz do Iguaçu, das duas vitórias e do campeonato, se Deus quiser. Minha equipe e eu estamos trabalhando para isso.”

Rodada dupla

As disputas neste domingo deverão tem uma pitada a mais de emoção com a rodada dupla. As categorias 1000cc e 600cc terão duas provas. "Pilotar essas motos exige muita preparação física e mental. Alcançamos velocidades superiores aos 250 km por hora. As rodadas duplas exigem muito dos pilotos e o preparo, com certeza, fará toda a diferença para o sucesso do final de semana”, avalia Bortolini.

Mesmo Interlagos, palco da disputa, sendo a casa dos concorrentes de Bortolini, o piloto não se intimida: "Minha pista preferida é Cascavel (PR). Eu a considero minha casa, mas sabemos que o piloto tem que andar bem em qualquer pista. Já tive uma vitória em Interlagos esse ano; sei que sou rápido e consistente lá. Embora haja uma vantagem virtual dos pilotos da casa por treinarem lá, em uma final como essa, tudo fica zerado.”

Campeonato SuperBike Brasil

O SuperBike Brasil é o maior campeonato de Motovelocidade da América Latina. A organização do campeonato espera reunir cerca de 250 pilotos na etapa final, divididos em categorias que iniciam nas 160cc até as máquinas mais potentes, de 1000cc.

Patrocínio

Bortolini conta com o apoio da Honda, Mobil Super Moto, Itaipu Binacional, Giga Racing, APracing Brakes, Prefeitura de Foz do Iguaçu, Ohlins Brasil e One-X Racing Suits.