Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Pilotos rivais e amigos lamentam aposentadoria de Massa na F-1

Daqui a 16 dias, no GP de Abu Dabi, Felipe Massa vai encerrar sua carreira na Fórmula 1. E, faltando uma etapa para sua última corrida na categoria, o brasileiro já começa a se despedir de rivais e amigos que fez ao longo de uma trajetória de 15 anos nos grids da F-1.

"Foi uma ótima experiência pilotar ao lado e contra Felipe nestes anos. Tivemos grandes momentos", diz o inglês Lewis Hamilton, um dos principais rivais do brasileiro. "Antes mesmo da F-1, ainda na GP2, nos tornamos amigos e já tivemos boas experiências", lembra o tricampeão.

Ao lado dele, Massa protagonizou um dos momentos mais marcantes das últimas décadas na Fórmula 1. Foi no GP do Brasil de 2008, prova final do campeonato. Massa cruzou a linha de chegada em primeiro e já comemorava o título da temporada quando Hamilton obteve ultrapassagem decisiva na última curva da volta final para assegurar a grande conquista. "Para mim, foi um privilégio viver aquele momento. Vou guardar para sempre."

"Nem precisamos falar sobre o seu talento. Acho que não há dúvidas quanto a isso", afirma o alemão Sebastian Vettel, da Ferrari. "Além disso, ele é uma grande pessoa. É o tipo que você olha e parece que está sorrindo porque está sorrido por dentro. Todos sentirão sua falta aqui", diz o tetracampeão.

Melhor amigo de Massa no circuito, o australiano Daniel Ricciardo prevê uma corrida de muitas emoções em Interlagos, no domingo. "Ele receberá ainda mais amor neste fim de semana. Os fãs estarão gritando das arquibancadas. A atmosfera é ótima, acho que teremos um público incrível", diz o piloto da Red Bull, que mora no mesmo prédio de Massa em Mônaco.

Piloto mais jovem do grid, o holandês Max Verstappen, também da Red Bull, exalta a carreira do veterano, de 35 anos. "Muitos querem ter a carreira que ele teve. Foram tantos anos na F-1, brigou pelo título em quatro campeonatos. Acho que ele viverá um momento muito especial aqui no Brasil, no domingo."

Já o mexicano Sergio Pérez destaca o bom humor do brasileiro. Ele lembra de uma batida entre os dois no GP do Canadá de 2014. Na época, o acidente virou motivo de polêmica. Mas, no ano seguinte, novamente em solo canadense, o tema já se tornava alvo de piada entre os dois pilotos.

"O acidente é motivo de brincadeira entre nós. O Felipe Massa é uma pessoa excelente, temos um bom relacionamento e é uma pena que ele vai sair da Fórmula 1 porque tem talento e fez uma grande carreira", lamenta o piloto da Force India.

Grupo do Massa News no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo