Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Com Barnes cestinha e 'baixinho' decisivo, Mavericks surpreende e bate Cavaliers

(Foto: Divulgação) - Com Barnes cestinha, Mavericks surpreende e bate Cavaliers
(Foto: Divulgação)

Em um jogo na qual contou com Harrison Barnes como cestinha e um "baixinho" de 1,83m, chamado Yogi Ferrell, atuando de forma decisiva, o Dallas Mavericks surpreendeu o Cleveland Cavaliers com uma vitória por 104 a 97, em casa, na rodada desta segunda-feira à noite da NBA.

Barnes foi o maior nome ofensivo da partida diante dos atuais campeões da competição e atuais líderes da Conferência Leste, agora com 15 derrotas em 47 partidas. Já o time texano é apenas o antepenúltimo colocado do Oeste e contabilizou o seu 18º triunfo em 48 jogos nesta temporada regular da liga de basquete dos Estados Unidos.

Curiosamente, essa foi a segunda vitória seguida do Mavericks sobre um candidato ao título desta temporada. No último domingo, a equipe já havia batido o San Antonio Spurs, atual vice-líder do Oeste, por 105 a 101, fora de casa.

Para isso, o time texano contou também com um herói improvável na vitória sobre o Cavaliers. Apenas dois dias depois de assinar um contrato de experiência válido por apenas dez dias com a equipe, Yogi Ferrell marcou 19 pontos, sendo nove deles por meio de arremessos da linha dos três, distância da qual arriscou a cesta apenas seis vezes.

E algumas destas cestas de Ferrel, que ainda pegou cinco rebotes e deu três assistências, aconteceram em momentos cruciais do terceiro e quarto período do duelo com os campeões da NBA. O jogador, considerado baixo para os padrões da NBA e seus gigantes, também já havia atuado bem no triunfo sobre o Spurs, contra o qual também acertou arremessos decisivos nos segundos finais do confronto.

Wesley Matthews, com 21 pontos, foi outro destaque da vitória do Mavericks, que assim conseguiu ofuscar o astro LeBron James, que marcou 23 pontos, apanhou nove rebotes e deu nove assistências pelos visitantes. Kyrie Irving, com 18 pontos, cinco rebotes e cinco assistências, foi outro nome que conseguiu se sobressair um pouco pelo time de Cleveland. Os dois jogadores, porém, tiveram atuação muito apagada no último período, fato que pesou para o triunfo da equipe da casa.

No confronto, o Cavaliers atuou sem o astro Kevin Love, lesionado, que também já foi confirmado como desfalque para a partida contra o Minnesota Timberwolves, nesta quarta-feira, em casa. E, sem ajuda de Love, a equipe acabou caindo diante de um adversário que, em novembro passado, havia sido arrasado pelo time de LeBron James por uma diferença de 38 pontos.

CELTICS VENCE E COLA NO LÍDER - O Boston Celtics soube aproveitar a inesperada derrota dos campeões ao vencer o Detroit Pistons por 113 a 109, em casa, em outro duelo da rodada desta segunda-feira. Com isso, o time de Massachusetts chegou a 30 vitórias em 48 jogos e colou no Cavaliers como vice-líder do Leste, no qual a equipe de Detroit ocupa o décimo lugar, agora com 27 derrotas em 48 confrontos.

O grande destaque do Celtics foi Isaiah Thomas, cestinha do jogo com 41 pontos, sendo que ainda contabilizou oito assistências. Assim, ele conseguiu ofuscar a também grande atuação de Andre Drummond, autor de um "double-double" de 28 pontos e 22 rebotes pelo Pistons.

Outro jogador que brilhou, mas saiu derrotado de quadra na rodada desta segunda-feira foi DeMarcus Cousins, reponsável por 46 pontos pelo Sacramento Kings no confronto no qual a equipe caiu por 122 a 119 diante do Philadelphia 76ers, fora de casa. O jogador ainda somou dois dígitos em dois fundamentos ao apanhar 15 rebotes.

Com uma melhor atuação coletiva, o 76ers teve Robert Covington como principal nome ao marcar 23 pontos e pegar dez rebotes, sendo decisivo para fazer seu time alcançar a 18ª vitória em 47 jogos, retrospecto que o deixa apenas como antepenúltimo colocado do Leste. Agora com 29 derrotas em 48 partidas, o Kings é o décimo do Oeste.

HEAT GANHA A 8ª SEGUIDA - Embalado, o Miami Heat conquistou o seu oitavo triunfo consecutivo ao vencer o lanterna geral da NBA, Brooklyn Nets, por 104 a 96, em casa, em outro confronto desta rodada de segunda.

Goran Dragic, com 20 pontos, e Dion Waiters, com 19, impulsionaram o triunfo da equipe da Flórida, que vem em franca recuperação e ainda ocupa a discreta 13ª posição do Oeste, fruto de suas 30 derrotas em 49 partidas. Lanterna da mesma conferência, o Nets amargou seu 39º revés em 48 jogos.

O lanterna do Oeste, Phoenix Suns, também perdeu na rodada desta terça. Caiu por 115 a 95 diante do Memphis Grizzlies, em casa, e sofreu sua 33ª derrota em 48 jogos. Já o time visitante, que teve Mike Conley brilhando com 38 pontos, nove assistências e seis rebotes, segue firma na zona de classificação para os playoffs, em sétimo lugar do Oeste, agora com 29 vitórias em 50 partidas.

Na outra única partida disputada na rodada desta segunda à noite, o Minnesota Timberwolves derrotou o Orlando Magic por 111 a 105, em casa, na prorrogação, após empate por 98 a 98 no tempo normal. Com 23 pontos e 12 rebotes, Karl-Anthony Towns se destacou pelo Timberwolves, enquanto Andrew Wiggins, com 27 pontos pelos anfitriões, foi o cestinha do duelo.

Confira os jogos desta terça-feira:

Washington Wizards x New York Knicks

Toronto Raptors x New Orleans Pelicans

Houston Rockets x Sacramento Kings

San Antonio Spurs x Oklahoma City Thunder

Portland Trail Blazers x Charlotte Hornets

Los Angeles Lakers x Denver Nuggets