Botafogo supera Cuiabá e abre cinco pontos no topo do Brasileirão

Com a colaboração de Estadão Conteúdo

Cuiabá, 22 (AE) – O Botafogo aproveitou com sucesso o tropeço do Palmeiras, que perdeu para o Bahia por 1 a 0, e abriu cinco pontos à frente do rival na corrida pela ponta do Campeonato Brasileiro.

botafogo-cuiaba-brasileirao
Foto: Divulgação/Botafogo

O time carioca superou o Cuiabá por 1 a 0, nesta quinta-feira à noite na Arena Pantanal, pela 11ª rodada Tiquinho Soares, cobrando pênalti, fez o gol e agora tem nove, liderando a artilharia da competição.

Com 27 pontos, o Botafogo aumentou sua gordura na liderança e mantém uma diferença de cinco pontos para o atual campeão, rival de domingo no Allianz Parque. Já o Cuiabá é o 16º colocado, com 12 pontos, sendo o primeira time fora da zona de rebaixamento.

Diante dos rumores de sua saída para o Al Nassr, da Arábia Saudita, o técnico português Luís Castro disse antes da partida que só tem foco para o duelo contra o Cuiabá. Quando a bola rolou, o Botafogo até começou melhor que os donos da casa, com mais posse de bola e rondando a área. Aos poucos o Cuiabá foi se encaixando e começou assustando com Rikelme, completando de primeira o cruzamento de Jonathan Cafu e batendo raspando a trave de Perri.

Depois do lance, o time do centro-oeste tomou conta da partida. Pitta recebeu em velocidade e mesmo marcado finalizou cruzado para a defesa do goleiro botafoguense. Sem seu artilheiro Deyverson, suspenso, o Cuiabá tinha o volume necessário no ataque, porém sem a precisão que as jogadas pediam. Desperdiçando chance atrás de chance, os donos da casa viam o Botafogo na retaguarda, sem conseguir fazer a bola chegar em Tiquinho Soares, que pouco incomodou o goleiro Walter antes do intervalo.

O segundo tempo voltou com o mesmo panorama. Logo no início, Rikelme arriscou de fora da área e assustou a torcida carioca. O técnico Luís Castro voltou do intervalo com as entradas de Luís Henrique e Segovia e a dupla fez a diferença. O meia paraguaio lançou o atacante, que contou com a falha de Fernando Sobral e foi derrubado pelo goleiro Walter dentro da área. Tiquinho Soares chamou a responsabilidade e deslocou o goleiro na cobrança do pênalti para abrir o placar, aos 14 minutos.

O Cuiabá até tentou responder na sequência com Sobral, aproveitando a sobra, mas parou na defesa de Lucas Perri. Bem organizado defensivamente, o Botafogo soube administrar as investidas do Cuiabá, e não se arriscava nos contra-ataques. A reta final foi de pressão dos donos da casa. Dominando as ações ofensivas, o time sofreu com a falta de uma referência, insistindo em bolas aéreas. Sabendo dosar o tempo, o Botafogo administrou o tempo até o apito final.

O Botafogo volta a campo no domingo, em duelo direto contra o Palmeiras, no Allianz Parque, às 16h. Enquanto o Cuiabá atua somente na segunda-feira, quando encerra a 12ª rodada contra o Vasco, em São Januário.

Ficha técnica: Cuiabá 0 x 1 Botafogo

  • Cuiabá: Walter; Matheus Alexandre, Marllon, Alan Empereur e Rikelme; Raniele, Denilson (Ceppelini) e Fernando Sobral (Filipe Augusto); Jonathan Cafu (Quagliata), Wellington Silva (Iury Castilho) e Isidro Pitta. Técnico: António Oliveira.
  • Botafogo: Lucas Perri; Rafael, Adryelson (Philipe Sampaio), Víctor Cuesta e Hugo; Danilo Barbosa (Gustavo Sauer), Marlon Freitas e Tchê Tchê; Júnior Santos (Matías Segovia), Victor Sá (Luís Henrique) e Tiquinho Soares (Matheus Nascimento).Técnico: Luís Castro.
  • Gol: Tiquinho Soares, pênalti, aos 14 minutos do segundo tempo.
  • Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (FIFA-SP).
  • Cartões amarelos: Victor Sá e Hugo (Botafogo); Fillipe Augusto (Cuiabá).
  • Renda: R$ 382.920,00.
  • Público: 13.981 total.
  • Local: Arena Pantanal, Cuiabá (MS).
Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!
ENTRAR NO GRUPO
Compartilhe essa matéria nas redes sociais
Ative as notificações e fique por dentro das notícias
Ativar notificações
Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia
Alisha
Alorino
Antônio Carlos
Bianca Granado
Camila Santos
Edvaldo Corrêa
Elaine Damasceno
Fabiano Tavares
Gabriel Pianaro
Giselle Suardi
Guilherme C Carneiro
Mateus Afonso
Mauro Mueller
Oseias Gomes
Papai em Dobro
Tais Targa