Você poderá alterar sua localização a qualquer momento clicando aqui.
Ocultar   |   Alterar cidade
Você está vendo conteúdo de Curitiba e região.
Ocultar   |   Alterar cidade

Jailson ignora assédio e promete briga com Prass por vaga de titular

O goleiro Jailson recebeu a Bola de Prata -premiação da ESPN Brasil- de melhor goleiro do Campeonato Brasileiro nesta segunda-feira (12), um dia depois de participar do triunfo por 2 a 1 sobre o Vitória, em Salvador. Premiado e consagrado, o veterano deve retornar ao banco de reservas no ano que vem, já que o ídolo palmeirense Fernando Prass reassumirá a meta.

Mesmo valorizado, Jailson ignorou o assédio de outros clubes para renovar por mais dois anos com o Palmeiras. Agora, a ideia é disputar em iguais condições a vaga no gol com Fernando Prass, a quem o palmeirense tem como um dos grandes ídolos das últimas décadas.

"Demorei bastante para chegar ao Palmeiras, então não me vejo fora. Trabalhei bastante nas equipes pelas quais passei no interior e era louco para chegar ao Palmeiras. Agora apareceu a minha chance. Se eu jogar ou ficar no banco, estarei satisfeito", declarou Jailson.

"Você sabe que vida de goleiro nunca é fácil; só pode jogar um. Em 2017, quem tem a ganhar é o Palmeiras. Vou trabalhar firme e forte para meu ano de 2017 ser melhor do que 2016", completou.